Mundial de Orientação BTT: Davide Machado conquista bronze e faz história

619

Davide Machado (1)Na tarde quente de Águeda, Anton Foliforov e Emily Benham mostraram-se ao mais alto nível. Foram eles os grandes vencedores da última final individual do Campeonato do Mundo de Orientação em BTT WMTBOC 2016, uma Distância Longa que teve na medalha de bronze de Davide Machado um momento histórico para as hostes portuguesas.

Entrados na reta final dos Campeonatos do Mundo de Orientação em BTT WMTBOC 2016, a cidade de Águeda acolheu a última final individual do programa competitivo. Traçada nas distâncias aproximadas de 40 km para os Homens e de 30 km para as Senhoras, a final de Distância Longa revelou-se extremamente dura do ponto de vista físico, com desníveis muito acima dos quinhentos metros e sob temperaturas acima dos 30º.

Anton FoliforovNo setor masculino, o Russo Anton Foliforov provou que “não há duas sem três”, arrecadando a sua terceira medalha de ouro consecutiva nestes Mundiais e tornando-se no primeiro atleta a chamar a si todos os títulos individuais numa mesma edição dos Campeonatos do Mundo. Foliforov cumpriu o seu percurso em 1:41:10, batendo pela escassa margem de 32 segundos o Checo Krystof Bogar, regressado este ano à competição após três anos de interregno. O terceiro lugar coube a Davide Machado, a 44 segundos do vencedor, oferecendo à Orientação portuguesa a primeira medalha da sua história em competições de Elite.

Emily BenhamNa Elite feminina, a vitória sorriu à Britânica Emily Benham, o que acontece pela segunda vez nestes Campeonatos, depois do triunfo na prova de Sprint da passada Segunda-feira. A atravessar um momento de forma verdadeiramente fantástico, Emily Benham completou o seu percurso em 1:29:10, deixando a francesa Gaëlle Barlet na segunda posição, a uma diferença de 38 segundos. A viver igualmente um excelente momento de forma, a Suiça Maja Rothweiller conclui na terceira posição a 2:25 da vencedora, arrecadando a sua primeira medalha individual desde que se estreou nestas lides, nos Mundiais de Ben Shemen, Israel, em 2009.

Veronika Kubinova conquista terceiro título mundial

Veronika KubinovaNos escalões etários mais jovens, o destaque vai para a vitória da Checa Veronika Kubinova no escalão W20, confirmando-a como a grande figura destes Mundiais de Juniores ao chamar a si os três títulos individuais nesta competição, algo nunca anteriormente conseguido no setor feminino. À semelhança das duas provas anteriores, Kubinova não teve dificuldade em desembaraçar-se das suas adversárias, derrotando a Francesa Constance Devillers por margem superior a sete (!) minutos. No setor masculino, Leonid Tsevtkov foi o mais forte, vencedno no tempo de 1:27:40 e oferecendo à Rússia uma medalha de ouro na Distância Longa que lhe escapava há oito anos. Medalha de ouro na Distância Média da passada Quarta-feira, o Francês Samson Deriaz foi segundo, a 1:44 do vencedor. No Europeu de Jovens, a República Checa colocou dois atletas no ougar mais alto pódio. Após ter conquistado o ouro no Sprint e a prata na Distância Média, Jan Hasek levou de vencida a Distância Longa em 1:16:28, enquanto em W17 a vitória coube a Vilma Kralova, com o tempo de 1:02:57.

Uma última nota para os portugueses em prova. Para além do terceiro lugar de Davide Machado, como referimos anteriormente, merece uma referência o 24º posto alcançado por João Ferreira, tendo gasto mais 15:22 que o vencedor. Na Elite feminina, Ana Filipa Silva foi, pelo terceiro dia consecutivo, a melhor portuguesa, concluindo na 35ª posição com mais 29:32 que a vencedora. O Mundial de Juniores teve em André Esteves e Ana Margarida Rocha os nossos melhores representantes, nos 29º e 22º lugares, respetivamente. Finalmente, no Europeu de Jovens, Duarte Lourenço foi o melhor português no escalão masculino, concluindo na 11ª posição. Marisa Costa voltou a ter uma excelente prestação no setor feminino, concluindo no 8º lugar.

Resultados

Homens Elite

1. Anton Foliforov (Rússia) 1:41:10 (+ 00:00)

2. Krystof Bogar (República Checa) 1:41:42 (+ 00:32)

3. Davide Machado (Portugal) 1:41:54 (+ 00:44)

4. Ruslan Gritsan (Rússia) 1:42:57 (+ 01:47)

5. Baptiste Fuchs (França) 1:43:05 (+ 01:55)

6. Luca Dallavalle (Italia) 1:44:52 (+ 03:42)

WElite

1. Emily Benham (Grã-Bretanha) 1:29:10 (+ 00:00)

2. Gaëlle Barlet (França) 1:29:48 (+ 00:38)

3. Maja Rothweiler (Suiça) 1:31:35 (+ 02:25)

4. Ingrid Stengard (Finlândia) 1:32:16 (+ 03:06)

5. Renata Paulickova (República Checa) 1:33:21 (+ 04:11)

6. Stanislava Fajitova (Eslováquia) 1:33:45 (+ 04:35)

M20

1. Leonid Tsvetkov (Rússia) 1:27:40 (+ 00:00)

2. Samson Deriaz (França) 1:29:24 (+ 01:44)

3. Sauli Pietikäinen (Finlândia) 1:30:35 (+ 02:55)

W20

1. Veronika Kubinova (República Checa) 1:16:28 (+ 00:00)

2. Constance Devillers (França) 1:23:39 (+ 07:11)

3. Viktorija Michnovic (Lituânia) 1:24:47 (+ 08:19)

M17

1. Jan Hasek (República Checa) 1:03:51 (+ 00:00)

2. Eerik Nurminen (Finlândia) 1:07:17 (+ 03:26)

3. Danil Buzovkin (Rússia) 1:07:51 (+ 04:00)

W17

1. Vilma Kralova (República Checa) 1:02:57 (+ 00:00)

2. Mathilde Sipos (França) 1:04:47 (+ 01:50)

3. Mia Raichon (França) 1:07:18 (+ 04:21)

DEIXE UMA RESPOSTA

Escreva o seu comentário
Escreva o seu nome