Shimano XTR Shadow Plus

671
A Shimano resolveu não deitar na cama do sucesso e, depois da tecnologia Shadow e do DynaSys, pesquisou exaustivamente e lançou, ano passado, o desviador traseiro XTR Shadow Plus. Simplificadamente, a tecnologia Shadow Plus aumenta a tensão da mola de tensionamento da corrente. O sistema funciona com uma pequena catraca no interior do câmbio, que quando acionada aumenta a resistência do retorno do desviador quando a corrente é movimentada pela acção da suspensão, impedindo assim a folga da mesma. A ação do Shadow Plus é regulável, podendo se aumentar ou diminuir a resistência do desviador em retornar em resposta ao movimento da corrente.

Como simplesmente alterar a tensão da mola tem outras implicações, sendo a principal delas dificultar a retirada da roda traseira, a Shimano incluiu um botão (dourado) que desativa o Shadow Plus, facilitando retirar a roda. Embora o botão esteja lá para desabilitar o Shadow Plus, a tecnologia foi concebida para estar ativa durante todo o pedal, sendo ‘desligada’ apenas no momento de trocar a roda. 

Em bikes trail, notadamente full suspensions com longo curso da balança traseira, a tensão da corrente varia abruptamente com o funcionamento da suspensão, levando, em pedais por terrenos irregulares e em velocidades mais altas, a corrente a bater no chainstay e, em determinadas circunstâncias, até mesmo cair do cassete ou das coroas. Com o aumento da tensão da corrente este problema acaba . 

Não esquecendo que o conceito Shadow foi criado para eliminar um chatíssimo bate-bate dos desviadores traseiros Shimano no chainstay quando se usa as catracas menores em trilhos esburacadas, para determinados mountain bikers o Shadow Plus pode ser realmente um grande avanço, se você nota que a corrente bate constantemente no chainstay ou mesmo se ela vez por outra cai.

Quem pedalou garante: o desviador fica muito mais preciso e silencioso (é possível melhorar um XTR???). Porém, como bem notou o teste do Bikeradar, a ação fica muito mais pesada que a do Shadow normal, o que é esperado, já que a mola está mais tensionada, podendo cansar o polegar em pedais mais longos. Assim, pode não ser uma tecnologia interessante para todo estilo de mountain bike.

A tecnologia ainda está disponível somente para desviadores XTR, mas a empresa promete em breve que ela integrará também as linhas XT e SLX. O protótipo do SLX já foi testado, e o grupo está agendado para ser lançado em 2013.

DEIXE UMA RESPOSTA

Escreva o seu comentário
Escreva o seu nome