A 7C CBZ WILIER conquistou a vitória na penúltima etapa do Absa Cape Epic de 2019, este sábado. Louis Meijato e Johnny Cattaneo aproveitaram a iniciativa depois que a Trek Selle San Marco sofreu uma avaria mecânica, para vencer a etapa de 89 quilómetros em torno de Stellenbosch, com um tempo de 03:49:21.

Photo by Nick Muzik/Cape Epic

“Hoje foi fantástico para nós”, disse Cattaneo depois. “Tivemos sorte e depois tentamos nos esforçar ao máximo nos últimos 20 quilómetros”, comentou ele.

A “sorte” a que ele se estava a referir era, na verdade, o furo que a Trek Selle San Marco (que liderou quase dois terços da corrida) sofreu depois que Porro caiu aos 65kms. Eles foram forçados a parar para consertar sua avaria mecânica, o que fez com que o grupo de perseguição da Scott-SRAM MTB-Racing e 7C CBZ WILIER os ultrapassasse.

Photo by Greg Beadle/Cape Epic

Meija e Cattaneo atacaram quase imediatamente e ficaram isolados até ao final. “Esta foi uma das duas últimas oportunidades para ganhar uma etapa”, acrescentou Cattaneo. “É isso que queremos, então estamos muito felizes!”

Photo by Nick Muzik/Cape Epic

A Scott-SRAM MTB-Racing contentou-se em rodar de uma forma conservadora, em segundo lugar depois do que sucedeu, Ficaram muito satisfeitos ao saber que estavam a ampliar mais a sua vantagem na luta pela camisola amarela.

Photo by Dwayne Senior/Cape Epic

Disse Forster após o final: “Hoje foi difícil desde o início, mas apenas tentamos manter os outros grupos e ampliar nossa liderança novamente.” Depois disse ainda, “estamos ansiosos para a última etapa amanhã”.

Photo by Nick Muzik/Cape Epic

O par percorreu grande parte da primeira parte da etapa – que contou com alguns dos melhores trilhos do Simonsberg Conservancy e arredores – com a sua equipa de apoio (Gert Heyns e Andri Frischknecht da DSV-SCOTT-SRAM). Apoiando Schurter para enfatizar o quão importante é ter uma equipa forte de apoio na corrida Africana de Mountain Bike.

Photo by Nick Muzik/Cape Epic

“É essencial”, disse ele. “Nenhuma equipa ganhou antes sem apoio. Mas também é uma questão mental.

Photo by Nick Muzik/Cape Epic

Isso foi bem provado pelo Trek Selle San Marco, que ficou sem a ajuda da sua equipe depois que Michele Casagrande e Fabian Rabensteiner bateram na reta final da Queen Stage. Lutaram para ficar em terceiro.

Photo by Nick Muzik/Cape Epic

Seguidos pela Cannondale Factory Racing, em quarto. Os dois ficaram em segundo lugar na classificação geral, apesar de mais um dia em que Henrique Avancini teve que dar um abraço no companheiro Manuel Fumic.

Photo by Greg Beadle/Cape Epic

A ficarem mais fortes a cada dia, por outro lado, estão Matt Beers e Alan Hatherly, da Absa African Men’s Jersey. Estes jovens fizeram outro grande e consistent esforço para terminar em quinto e consolidar seu quinto lugar na classificação geral.

Photo by Greg Beadle/Cape Epic

Nos Portugueses, Tiago Silva e Valério Ferreira da Team 5Quinas.cc / Snakebite fizeram o 127 º lugar na geral da etapa e cairam para o 59º lugar na categoria rainha.

José Silva e Ondrej Fojtik da equipa Mitas Head New Race fizeram 29º lugar na geral da etapa. Subiram para o 2º lugar em Master.

Carlos Brito e Raul Amaral do Team Trovador, fizeram 72º lugar na geral da etapa, estão em 13º na categoria Master.

Miguel Gonçalves e Nuno Campos do Team Barcelos Portugal, fizeram 73º lugar na geral da etapa, e estão em 14º na categoria Master.

Vídeo da 6ª etapa:

Resultados da 6ª etapa do Absa Cape Epic:

1. 7C CBZ WILIER 25-1 Louis Meija (Colombia) 25-2 Johnny Cattaneo (Italy) 03:49.21,1
2. Scott-SRAM MTB-Racing 4-1 Nino Schurter (Switzerland) 4-2 Lars Forster (Switzerland) 03:51.40,9 +2.19,8
3. Trek Selle San Marco 10-1 Damiano Ferraro (Italy) 10-2 Samuele Porro (Italy) 03:53.54,7 +4.33,6

Photo by Nick Muzik/Cape Epic

Geral do Absa Cape Epic 2019:

1. Scott-SRAM MTB-Racing 4-1 Nino Schurter (Switzerland) 4-2 Lars Forster (Switzerland) 23:12.06,2
2. Cannondale Factory Racing 3-1 Manuel Fumic (Germany) 3-2 Henrique Avancini (Brazil) 23:20.06,5 +8.00,3
3. Trek Selle San Marco 10-1 Damiano Ferraro (Italy) 10-2 Samuele Porro (Italy) 23:29.10,8 +17.04,6
4. BULLS Heroes 6-1 Urs Huber (Switzerland) 6-2 Simon Stiebjahn (Germany) 23:38.52,6 +26.46,4
5. SpecializedFoundationNAD 13-1 Alan Hatherly (South Africa) 13-2 Matthew Beers (South Africa) 23:50.28,3 +38.22,1
6. BUFF SCOTT MTB 11-1 Francesc Guerra Carretero (Spain) 11-2 Enrique Morcillo Vergara (Spain) 23:53.27,4 +41.21,2
7. 7C CBZ WILIER 25-1 Louis Meija (Colombia) 25-2 Johnny Cattaneo (Italy) 23:55.07,2 +43.01,0
8. Canyon 5-1 Kristian Hynek (Czech Republic) 5-2 Petter Fagerhaug (Norway) 24:03.35,9 +51.29,7
9. 7C CBZ WILIER 2 32-1 Tony Longo (Italy) 32-2 Gregory Brenes (Costa Rica) 24:08.22,8 +56.16,6
10. Tbelles – ProtourBCN 43-1 Roberto Bou Martin (Spain) 43-2 Alberto Losada (Spain) 24:18.33,9 +1:06.27,7

Deixar uma resposta