Decorreram este domingo em Leogang, as tão desejadas finais dos Campeonatos do Mundo, na disciplina de DHI – Downhill.

Jovem dupla portuguesa azarada nos Campeonatos do Mundo de Downhill (1)
© Miranda Bike Parts

Devido às condições atmosféricas adversas ao longo de toda a competição, o famoso traçado austríaco veio a revelar-se a maior dificuldade para atletas e bikes. A lama e a chuva foram uma constante, tendo mesmo sido colocada em causa a realização da final, devido à queda de neve.

Com as cores de Portugal e inseridos na categoria Júnior, estava a dupla de atletas Miranda Factory Team: Gonçalo Bandeira e Nuno Reis – ambos aos comandos da Scott Gambler Tuned.

Jovem dupla portuguesa azarada nos Campeonatos do Mundo de Downhill
© Miranda Bike Parts

Uma formação jovem e com enorme potencial, no entanto a falta de experiência neste tipo de condições, veio a ser preponderante nos resultados finais.

Nuno Reis 17.º, Gonçalo Bandeira 44.º no Campeonato do Mundo de Downhill JúniorNa qualificação realizada na passada sexta-feira, Gonçalo Bandeira garantiu o 3º melhor tempo da categoria, no entanto uma queda na final, deitou por terra qualquer resultado positivo para Portugal. “Hoje foi difícil a diversos níveis, para todos! Lutei, errei, caí e não consegui fazer a final que desejava aqui em Leogang. Ainda assim estou bastante contente por saber que estou num bom ritmo e preparado para lutar nas próximas Taças do Mundo. Obrigado a todos pelo apoio que me deram, foram incansáveis e devo-vos um pedido de desculpas por hoje. No próximo fim de semana estamos na luta novamente”.

Nuno Reis 17.º, Gonçalo Bandeira 44.º no Campeonato do Mundo de Downhill JúniorNuno Reis viria assim a ser o melhor representante luso e apesar de também ter sido vítima de um contratempo na final, conseguiu o 17º lugar final entre os Juniores. “Não era este o resultado que pretendia, mas as provas em lama são muito imprevisíveis e qualquer erro sai caro. Seguimos focados nos próximos objetivos que são as Taças do Mundo”.

A equipa de downhill da Miranda Factory Team segue agora para Maribor – Eslovénia, onde já no próximo fim-de-semana alinhará na Taça do Mundo de DHi 2020.