Os números da 46.ª edição da Volta ao Algarve, que se disputa entre quarta-feira e domingo, com início em Portimão e final em Lagoa:

1: vencedor das três grandes Voltas: Vincenzo Nibali (Tour2014, Vuelta2010 e Giro2013 e 2016).

2: vencedores de edições anteriores presentes: Michal Kwiatkowski (2014 e 2018) e Geraint Thomas (2015 e 2016).

4: camisolas em disputa: amarela (geral individual), vermelha (classificação por pontos), branca (juventude) e azul (montanha).

7: campeões olímpicos, mundiais e europeus em título presentes na corrida: Greg van Avermaet (olímpico de estrada), Rohan Dennis (mundial de contrarrelógio), Elia Viviani (olímpico de omnium e europeu de estrada), Remco Evenepoel (europeu de contrarrelógio), Mathieu van der Poel (mundial de ciclocrosse), Mikkel Bjerg (mundial de contrarrelógio em sub-23), e Roger Kluge (mundial de Madison).

10: metas volantes da Volta ao Algarve. São pontuáveis para a classificação por pontos.

13: total de contagens de montanhas, duas delas a coincidir com o final de etapa (2.ª e 4.ª).

15: maior número de edições concluídas: Tiago Machado (Efapel).

20,3: extensão em quilómetros do único contrarrelógio individual, marcado para a quinta e última etapa.

20,8: milhões seguidores nas redes sociais dos corredores e das equipas presentes na Volta ao Algarve.

24: corredores do top 100 do WorldTour, o primeiro escalão do ciclismo mundial: Greg Van Avermaet (6.º), Alexander Kristoff (8.º), Elia Viviani (11.º), Mathieu Van der Poel (12.º), Bauke Mollema (16.º), Matteo Trentin (19.º), Tim Wellens (23.º), Maximilian Schachmann (25.º), Remco Evenepoel (28.º), Vincenzo Nibali (32.º), Yves Lampaert (35.º), Miguel Ángel Lopéz (38.º), Nils Politt (41.º), Geraint Thomas (42.º), Jasper Stuyven (43.º), Rohan Dennis (45.º), Philippe Gilbert (47.º), Rui Costa (48.º), Stefan Küng (51.º), Felix Grossschartner (62.º), Michal Kwiatkowski (70.º), Dan Martin (84.º), Fabio Jakobsen (90.º) e Dries de Bondt.

25: equipas participantes, 12 das quais do WorldTour, primeira divisão do ciclismo mundial.

83: número de países que recebem a transmissão em direto da 46.ª edição.

174: número de corredores.

200: pontos UCI atribuídos ao vencedor final.

201,9: extensão em quilómetros da etapa mais longa (3.ª), entre Faro e Tavira.

771,4: extensão total em quilómetros.

9.037,50: prémio em euros para o vencedor final.

DEIXE UMA RESPOSTA

Escreva o seu comentário
Escreva o seu nome