As memórias do domínio colombiano na etapa com chegada ao col du Turini e a vitória na geral da edição de 2019 regressam à medida que observamos a lista de inscritos da edição de 2020 do Paris-Nice.

Paris-Nice 2020
© ASO/Alex Broadway

Egan Bernal usará o número 1, com uma maior notoriedade graças à sua vitória no Tour de France, enquanto Nairo Quintana, que venceu várias corridas no sul da França com as cores da  sua nova equipa Arkéa-Samsic, fará o seu melhor para resistir à pressão da geração seguinte liderada pelo recente campeão colombiano Sergio Higuita (que também venceu a volta ao seu país) e Miguel Ángel López, que também está entre os prováveis ​​candidatos.

A quantidade e a qualidade da delegação colombiana não denunciam necessariamente uma invasão aos primeiros lugares da classificação geral, que estão igualmente expostos a uma onda eslovena.

Paris-Nice 2020
© ASO/Alex Broadway

O vencedor da Vuelta 2019, Primož Roglič, raramente falha no alcance dos seus objetivos e já colocou o Paris-Nice como sendo o primeiro da sua temporada, enquanto Tadej Pogacar, que se juntou a ele no pódio da Volta a Espanha (3º classificado), também pretende fazer o mesmo que Bernal na sua estreia no Tour de France, o que não é propriamente um sonho, levando em consideração as suas vitórias na Volta a la Comunitat Valenciana.

Paris-Nice 2020
© ASO/Alex Broadway

A armada europeia, no entanto, terá alguns sérios candidatos na corrida para Nice. Julian Alaphilippe está, obviamente, a pensar nas estradas que irá percorrer no contrarrelógio de Saint-Amand-Montrond, onde se irá estabelecer uma hierarquia muito séria na classificação geral, ao quarto dia de corrida, onde ele conhece cada segmento de asfalto.

O homem que teve o grande destaque da edição do Tour de 2019, que em grande parte compartilhou manchetes com Thibaut Pinot, pode mais uma vez acompanhar o líder da Groupama-FDJ, que fará sua estreia nesta competição.

© ASO/Alex Broadway

O fim de semana de montanha, com a subida de La Colmiane, bem como o contrarrelógio, correspondem aos seus pontos fortes, como também é o caso de Pierre Latour, que este ano será o líder da AG2R no Paris-Nice. As melhores possibilidades de um sucessor espanhol ao vencedor de 2018, Marc Soler, são Enric Mas e Mickel Landa, da Bahrain-McLaren.

Paris-Nice 2020
© ASO/Alex Broadway

Os velocistas terão a quota parte do centro das atenções em metade das etapas que compõem a competição se as condições de corrida forem adequadas. É o que os melhores esperam, desejando que o desvio por estradas francesas possa ser recompensado em San Remo. Esperam-se algumas batalhas emocionantes entre Caleb Ewan, Sam Bennett, Pascal Ackermann, Matteo Trentin, Max Walscheid, Ivan Garcia e Alexander Kristoff.

22 equipas, os principais participantes do Paris-Nice 2020:

Austrália

Mitchelton-Scott: Haig (Austrália)

Bahrain

Bahrein-McLaren: Landa, Garcia (Esp), Teuns (Bel)

Bélgica

Deceuninck-Quick Step: Alaphilippe, Cavagna (Fra), Bennett (Irl)
Lotto-Soudal: Ewan (Aus), Wellens, De Gendt (Bel)

França

AG2R La Mondiale: Latour, Cosnefroy (Fra), Naesen (Bel)
Cofidis: Martin, Edet (Fra)
Groupama-FDJ: Pinot, Madouas (Fra), Küng (Sui)
Total Direct Energie: Terpstra (Ned), Hivert (Fra)
Arkea-Samsic: N. Quintana (Col), Barguil (Fra)
Nippo Delko Provenc: Navardauskas, Siskevicius (Ltu)

Alemanha

Bora-Hansgrohe: Ackermann (Alemanha), Grossschartner (Alemanha)
Sunweb: Hirschi (Che), Eekhoff (Ned), C. Pedersen (Den)

Israel

Israel Star-Up Nation: Politt (Ger), Hofstetter (Fra), Van Asbroeck (Bel)

Cazaquistão

Astana Pro Team: Lopez (Col), Fraile, LL. Sánchez (Esp)

Polónia

Equipa CCC: Zakarin (Rus), Trentin (Ita)

África do Sul

NTT Pro Cycling Team: Walscheid (Alemanha), Valgren (Den), Campenaerts (Bel)

Espanha

Equipa Movistar: Mas, Verona (Esp)

Holanda

Jumbo-Visma: Roglic (Slo), Bennett (Nzl), Gesink (Ned)

Emirados Árabes Unidos

UAE Team Emirates: Pogacar (Slo), Kristoff (Nor), Philipsen (Bel)

Reino Unido

Ineos: Bernal (Col), Amador (Cri), Geoghegan Hart (Gbr)

Estados Unidos

EF Pro Cycling: Higuita (Col), Van Garderen (EUA), Nielsen (Den)
Trek-Segafredo: Porte (Aus), M. Pedersen (Den)