A antiga Linha do Sabor, que permitia a ligação ferroviária entre o Pocinho e a aldeia de Duas Igrejas – a cerca de 10 kms de Miranda do Douro – está de novo em obras.

Desta vez é a Câmara Municipal de Torre de Moncorvo que avança com a reconversão de mais 11 quilómetros dedicados exclusivamente a peões e ciclistas.

Estando praticamente terminada a primeira fase da obra, com as travessas e os carris já removidos e o balastro compactado, dá-se agora início à segunda fase que passa pela colocação e compactação do pavimento em macadame, seguida da colocação de sinalética de segurança.

Corredor da antiga Linha do Sabor em reconversão para ecopista, entre o Pocinho e Torre de Moncorvo

Desde 2006 tinham já sido reconvertidos em Ecopista cerca de 21 dos 32 km que atravessam este município. Na altura, com o objectivo de promover a prática de actividade física junto dos seus munícipes, foi reconvertido apenas o troço que ligava a vila às aldeias contíguas à linha.

Agora, numa óptica mais alargada e de captação de visitantes em bicicleta, vai ser terminada em breve a ligação desde ao Pocinho – estação onde ainda operam comboios de passageiros na Linha do Douro – até ao centro desta vila transmontana, ligando aqui ao troço já reconvertido.

No total serão 32 km, um dos mais longos troços de ecopista a cruzar um mesmo município.

Mapa da Ecopista do Sabor, com os troços já reconvertidos ou em fase final de reconversão

Uma das mais valias deste novo troço de ecopista, que para além de permitir ganhar 300 metros de cota com inclinações nunca superiores a 2.5%, é a sua envolvente cénica com vistas soberbas para o Rio Douro com as suas encostas em socalcos, bem como para a verdejante Foz do Rio Sabor, que de resto dá o nome a esta infraestrutura.

Ecopista do Sabor, envolvente cénica ao km 3 com vista para o Rio Douro

De acordo com fontes oficiais da Câmara Municipal de Torre de Moncorvo, prevê-se que esta empreitada esteja concluída até à próxima Primavera, a tempo de ser incluída no Road Book 2019 da Rede Nacional de Cicloturismo, a publicar também por essa altura.

Ecopista do Sabor, envolvente cénica ao km 5 com vista para o Rio Douro

Ainda segundo a mesma fonte, toda esta empreitada teve um custo de aproximadamente 110 mil euros (mais IVA), resultando num investimento a rondar os 10 000 €/km, um custo cerca de 10 vezes inferior a outras infraestruturas semelhantes já existentes no país.

Em conjunto, os municípios de Torre de Moncorvo e de Miranda do Douro – em extremos opostos da linha – já reconverteram quase metade dos 105 quilómetros desta que será, um dia, a mais longa ecopista do país. Ficam a faltar os troços à passagem dos municípios de Mogadouro e de Freixo de Espada à Cinta, ainda em total abandono e sem data prevista para a sua reconversão.

Diversos objectos ligados à história desta via férrea podem ser avistados ao longo da ecopista

Está também a ser estudada a total recuperação da antiga ponte rodo-ferroviária sobre o Douro, uma vez que o investimento, para além de elevado, tem de ser repartido pelos dois municípios a que pertence, Torre de Moncorvo e Vila Nova de Foz Côa.

Curiosidade: na estação de Pocinho onde ainda operam comboios de passageiros na Linha do Douro, estão os restos enferrujados de uma antiga locomotiva a vapor de via estreita

Os mapas e os tracks GPS com os 3820 km já identificados da Rede Nacional de Cicloturismo estão disponíveis para aquisição, durante o mês de Dezembro, com 30% de desconto. Aproveite esta campanha de final-de-ano para planear as suas viagens em bicicleta por Portugal e em simultâneo apoiar a identificação de mais quilómetros de rede.

Só tem de seguir estes passos:

1 – Vá a https://sellfy.com/p/qSvv/
2 – Clique no botão “Buy Now” ;
3 – Na caixa “Coupon code” introduza o código de desconto ;
4 – Clique em “Apply” e o valor final irá automaticamente reflectir o desconto ;
5 – Introduza o seu endereço de email e clique no botão “Buy Now” para finalizar a aquisição, utilizando cartão de crédito ou conta Paypal.

Código promocional com 30% de desconto: 30%OFF-Final-de-Ano-2018

Votos de boas pedaladas.

1 COMENTÁRIO

  1. Torre de Moncorvo – Carviçais, muito bom. Experimentei a ciclovia Pocinho-Torre de Moncorvo hoje 24/10/2019, fiquei triste, encontrei caçadores em plena ecopista, muito negativo, é pena.

Deixar uma resposta