Edgar Pinto da W52 – FC Porto foi décimo na primeira etapa da Vuelta Aragón, numa etapa com 186 quilómetros com início em Andorra e meta final em Calatauyd.

Numa etapa que começou com mau tempo contava com dois sprints e um Prémio de Montanha de terceira categoria, foram as fugas e o vento sentido que animaram a etapa.

PUB

A primeira das fugas foi formada logo aos 11 quilómetros de etapa, sendo que a segunda fuga de 4 elementos chegou a ter 11 minutos de vantagem.

Com o decorrer da etapa e com o vento o pelotão ficou dividido em 3 grupos, mas mesmo assim foram recuperando tempo para os escapados.

Já nos últimos quilómetros de etapa com um grupo composto por 20 elementos, onde estava Edgar Pinto, ia adiantado mas com o pelotão a recuperar tempo.

Chegou-se a pensar na chegada em pelotão compacto quando a diferença chegou aos 10 segundos, mas o pelotão voltou a perder tempo com os ataques no grupo da frente e só chegou 40 segundos depois de Justin Julles (Wallonie) cortar a linha de meta e se tornar o vencedor de etapa e primeiro líder da prova.

Edgar Pinto terminou na 10ª posição com o mesmo tempo do vencedor, sendo o primeiro dos Portugueses e de equipas Portuguesas.

Deixar uma resposta