Campeonato da Europa de Downhill | Francisco Pardal e Monika Hrastnik destacam-se

190

As sessões cronometradas deste sábado no Campeonato da Europa de Downhill (DHI), na Lousã, mostraram dois nomes em destaque na categoria de elite, português Francisco Pardal, no setor masculino, e a eslovena Monika Hrastnik, na prova feminina.

Numa tarde de chuva, os principais nomes do ranking mundial não se deram bem com a pista da Lousã e quem aproveitou foi o campeão português, Francisco Pardal, que completou os 2,43 quilómetros de percurso, em 4’09’’133. O registo do ciclista luso revelou-se imbatível por uma margem significativa para os padrões do DHI.

O segundo melhor classificado foi o francês Benoit Coulanges, a 1,262 segundos. O terceiro foi outro gaulês, Dylan Levesque, a 2,818 segundos.

O resultado deste sábado é meramente indicativo, porque a atribuição do título europeu depende exclusivamente do resultado na descida final, na tarde de domingo. Apesar disso, os registos estabelecidos hoje servem de referência e colocam Francisco Pardal como candidato a lutar pelas primeiras posições.

A corrida feminina, disputada de manhã, com sol e temperatura agradável, seguiu um guião mais de acordo com as previsões. A eslovena Monika Hrastnik, nona do ranking mundial, foi a mais veloz, acabando a sessão cronometrada em 4’51’’904. Seguiram-se duas francesas, Morgane Charre, a 1,138 segundos, e Mélanie Chappaz, a 12,960 segundos.

Em juniores masculinos também houve um português que se destacou da concorrência. Tiago Ladeira (Miranda Factory) foi o melhor, terminando com 4’19’958, menos 332 milésimos de segundo do que o francês Nathan Paillard e menos 2,365 segundos do que o italiano Hannes Alber, que ocuparam as posições seguintes.

A austríaca Valentina Höll pontificou entre as juniores femininas com um registo de 4’54’’734. A segunda classificada, a 14,116 segundos, foi a francesa Nastasia Gimenez, e a terceira, a 1’10’’342, foi a italiana Leila Tasso.

O Campeonato da Europa de DHI decide-se no domingo, na pista da Louzanpark. A competição arranca com as provas de masters, nas quais os ciclistas portugueses estiveram em bom nível nas sessões cronometradas de sábado, aspirando ao pódio em diferentes categorias de veteranos. Medalha garantida tem a primeira ciclista a entrar em liça, às 10h50, a portuguesa Ana Martins, única inscrita em masters 35. As corridas de veteranos acabam às 11h35.

Os juniores e os corredores de elite, masculinos e femininos, competem a partir das 14h15. A sessão vespertina terá transmissão em direto, através do canal da Federação Portuguesa de Ciclismo no Youtube: youtube.com/fedportciclismo.

DEIXE UMA RESPOSTA

Escreva o seu comentário
Escreva o seu nome