Campeonato da Europa de DHI | Seis títulos para Portugal na Lousã

484
© Federação Portuguesa de Ciclismo

Os corredores portugueses conquistaram seis medalhas de ouro, duas de prata e uma bronze no Campeonato da Europa de Downhill (DHI), que hoje terminou no Louzanpark, Lousã, território das Aldeias do Xisto.

O resultado mais importante foi o de Francisco Pardal, que se sagrou campeão da Europa de elite, numa corrida de grande competitividade, disputada por 81 corredores, oriundos de 19 países. As condições climatéricas adversas, com muita chuva, vento forte e frio intenso, tornaram épico o triunfo do corredor de Soure.

© Federação Portuguesa de Ciclismo

Francisco Pardal desceu a pista de 2,43 quilómetros em 4’11’’306, batendo o francês Benoit Coulanges (Dorval AM) por apenas 110 milésimos de segungo. O terceiro, a 1,709 segundos de Pardal foi Johannes von Klebelsberg (Itália).

“Esta vitória compensa todo o trabalho e significa uma força extra para as outras corridas, porque ainda estamos em início de temporada e há muitas corridas por diante. Vim com o objetivo de vencer. Sabia que não seria fácil, mas tinha a meu favor a pista ser ao meu gosto e estar a jogar em casa. Aproveitei esses fatores, dei o meu melhor e estou muito feliz”, afirmou Francisco Pardal.

© Federação Portuguesa de Ciclismo

O triunfo de Pardal foi pré-anunciado, pois o corredor português já ontem, na sessão cronometrada, conseguira o melhor registo. “Hoje as condições eram muito piores, choveu imenso na minha descida final. Senti que as dificuldades foram maiores, mas consegui dar a volta e fazer uma boa descida. Piorei dois segundos face ao tempo de ontem, o que foi muito bom”, explica o novo campeão da Europa de elite, que derrotou um lote de adversários de grande qualidade, entre os quais seis homens que se colocaram no top 10 do Europeu de 2017.

O madeirense Emanuel Pombo (Ciclo Madeira Clube Desportivo) também teve um desempenho de elevada qualidade, acabando na quarta posição, a 2,697 segundos do vencedor e a menos de um segundo do pódio.

© Federação Portuguesa de Ciclismo

Antes da vitória de Francisco Pardal, o público presente na pista da Lousã já comemora outro título na tarde de domingo, foi o de Tiago Ladeira (Miranda Factory), em juniores. O jovem português gastou 4’19’’009, sendo acompanhado no pódio pelo alemão Mika Hopp (Gz Rocky Mountain Racing), que gastou mais 1,238 segundos, e pelo italiano Stefano Introzzi, que ficou a 1,828 segundos.

Durante a manhã, nas categorias de veteranos, os portugueses também deram cartas, conquistando quatro títulos europeus. Em masters 30 venceu o britânico Brett Wheeler, da equipa lusa MS Racing Portugal/Estrelas da Amadora, seguido por Rui Cabrita (Wildpack BCF Algarve Racing).

© 24M

O campeão europeu de master 35 foi Márcio Ferreira (MCF/Município de S. Brás/XDream), seguido pelo compatriota Hélder Padilha. Ana Martins (UD Lorvanense) foi a única master feminina, pelo que levou para casa a medalha de ouro em masters 35 femininas.

© Federação Portuguesa de Ciclismo

O italiano Paolo Alleva (Team Scoutbike.com) conquistou o título europeu de masters 40, enquanto o compatriota e colega de equipa Oscar Colombo foi o melhor master 45. O suíço Thomas Weber (Teamproject) impôs-se em master 50, categoria na qual o português João Estêvão (Wildpack BCF Algarve Racing) ficou com a medalha de bronze. Em masters 55 o título foi para o luso José Salgueiro (MCF/XDream/Município de S. Brás). Rui Portela foi o único master 60, ficando, naturalmente, com a medalha de ouro.

© Federação Portuguesa de Ciclismo

O programa do dia completou-se com as provas femininas de elite e de juniores. Entre as mais velhas confirmou-se o favoritismo da eslovena Monika Hrastnik, com 4’46’’855. A segunda classificada foi a francesa Morgane Charre, a 2,992 segundos, e o terceiro posto foi ocupado pela suíça Camille Balanche, a 18,659 segundos.

A campeã europeia júnior é a francesa Nastasia Gimenez, com 4’57’’226. Seguiram-se a austríaca Valentina Höll, a 2,722 segundos, e a italiana Lelia Tasso, a 48,318 segundos.

DEIXE UMA RESPOSTA

Escreva o seu comentário
Escreva o seu nome