Volta ao Algarve Etapa 4 | LA Alumínios Metalusa BlackJack

55

Numa tirada de 203,4 quilómetros que ligaram Almodôvar a Tavira, João Matias da LA Alumínios Metalusa BlackJack foi mais uma vez o protagonista na fuga do dia logo ao quilómetro 6, juntamente com Ryan Mullen (Cannondale Drapac), Dion Smith (Wanty-Groupe Gobert) e Taco van der Hoorn (Roompot-Nederlanse Loterij). Fuga que só foi anulada faltavam 2 quilómetros para o final.

A formação LA Alumínios Metalusa BlackJack garantiu mais uma vez os seus objetivos, conseguindo levar até ao final o seu líder Edgar Pinto e assim mantendo a mesma classificação da Geral Individual o 11º posto. Numa tirada onde saiu vencedor André Greipel, com uma diferença de cerca de um pneu para John Degenkolb. O terceiro foi o campeão holandês de fundo, Dylan Groenewegen.

“Um percurso que tudo indicava terminar ao sprint e onde tínhamos tudo planeado para levar o nosso líder Edgar Pinto na melhor posição para o sprint final, mesmo com um constante sobe e desce na parte final e um ritmo muito elevado, conseguimos atingir mais uma vez o nosso objetivo. O nosso 11º lugar da geral dá grande motivação á equipa, fator que iremos aproveitar para tentar subir algumas posições na etapa de amanhã”, declarou o diretor desportivo da equipa, José Augusto.

A quinta e última etapa vai ligar o centro de Loulé ao alto do Malhão, com a meta a coincidir com uma contagem de montanha de segunda categoria. Nos últimos 62 quilómetros, os corredores vão subir quatro montanhas, num percurso todo de sobe e desce, que inclui uma primeira passagem no Malhão, a 41,5 quilómetros do fim.

DEIXE UMA RESPOSTA

Escreva o seu comentário
Escreva o seu nome