Vasco Bica faz 62.º lugar no Campeonato do Mundo de Downhill

60

Vasco Bica, Elite da Miranda Factory Team, foi ontem, dia 9 de setembro, o 62.º classificado no Campeonato do Mundo de Downhill (DHI).

Após algumas adversidades o piloto enfrentou a pista de Lenzerheide, na Suíça, sendo um dos três portugueses que estiveram a representar a Seleção Nacional, entre os cerca de 80 atletas de todo o mundo que disputaram a final este domingo.

Natural do Luso, concelho da Mealhada, Vasco Bica não começou da melhor forma esta aventura nos Campeonatos do Mundo, ao sofrer uma queda aparatosa e violenta, no primeiro dia de treinos, da qual felizmente viria a sair ileso. Refeito do susto, Vasco Bica conseguia apurar-se na manga de qualificação para chegar à tão almejada final.

“Só posso estar feliz com a minha prestação, depois dos muitos azares que tivemos. Foram dias difíceis em virtude das quedas, perdemos o Tiago e eu tive de competir com muitas dores no corpo”, explicou Vasco Bica, que continuou: “Foi bom qualificar-me e poder competir na final do Mundial. Mas agora é hora de descansar para começar já a pensar no próximo ano. Obrigado à Miranda&Irmão por todo o apoio”.

O selecionador nacional Pedro Vigário também chamou o Campeão Nacional e Europeu de DHI em Juniores, Tiago Ladeira, que corre igualmente na Miranda Factory Team, para fazer parte da comitiva. Mas em dia de qualificação, desta vez era ao piloto viseense que o azar batia à porta ao ser vítima de uma queda grave e que lhe causou a rutura da cápsula do dedo e dos ligamentos na mão esquerda. Este incidente impediu-o de se qualificar e prosseguir, forçando-o a abandonar a competição.

“Parece que o meu primeiro Campeonato do Mundo não correu como pretendia. Durante uma descida de treinos tive uma queda que acabou por me pôr de fora, não podendo competir. Fico um pouco chateado não pela queda mas pelo facto de não poder correr, sentia me muito bem na pista, como nunca me senti”, confidenciou Tiago Ladeira, que teve de se conformar com o sucedido.

Ciente de que “o desporto tem destas coisas”, o Júnior da Miranda Factory Team vai agora estar afastado das pistas até recuperar desta lesão, por isso “só me resta agradecer a todos aqueles que me apoiaram”, disse, deixando, contudo, uma promessa: “Voltarei em breve!”.

Deixar uma resposta