Umas férias pela Rede Nacional de Cicloturismo

369

Catarina e Rodrigo, um casal de músicos na casa dos 40, saíram de Lisboa há dias acompanhados das suas bicicletas de turismo em direcção a Vilar Formoso.

Parque Natural do Douro Internacional

O objectivo é passar umas férias de 8 dias a pedal pelo nordeste de Portugal Continental e também por terras de nuestros hermanos.

Percurso de comboio (preto a tracejado) e bicicleta (castanho)

Utilizando o comboio InterCidades da Linha da Beira Alta até à Guarda e daí o Regional até esta localidade fronteiriça transportaram as suas bicicletas carregadas com 2 alforges cada uma e daí arrancaram a pedalar para norte pelas Ecovias 10 e 8 da Rede Nacional de Cicloturismo.

Transporte de bicicleta em comboios de longo curso da CP

Passando por Almeida e Figueira de Castelo Rodrigo – com duas curtas, mas muito ricas, incursões a Espanha – desceram a Barca d’Alva com impressionantes perspectivas para o Parque Natural do Douro Internacional.

Fronteira Portugal – Espanha
Almeida

Depois de apreciarem o Rio Douro, tanto com vistas para Portugal como para Espanha, subiram a Freixo de Espada à Cinta pelos vales interiores ao Douro e daí continuaram até Mogadouro.

Rio Douro em Barca d’Alva
Vales entre Barca d’Alva e Freixo de Espada à Cinta

Um pouco mais à frente, em Sendim, entraram no muito recentemente renovado troço da Ecopista do Sabor até Duas Igrejas, localidade já muito próxima de Miranda do Douro, neste que será um novo troço da Rede Nacional de Cicloturismo em 2019.

Antiga estação de comboios de Sendim na Linha Ferroviária do Sabor, agora Ecopista

Estão ainda em viagem, mas desta vez pelo lado espanhol, de regresso a Vilar Formoso onde apanharão de novo o comboio para regressar à capital.

Road Book e trilhos GPS da Rede Nacional de Cicloturismo 2018 em www.ecovias.pt.

DEIXE UMA RESPOSTA

Escreva o seu comentário
Escreva o seu nome