Os ciclistas Tony Martin (Jumbo) e Luke Rowe (Ineos) foram hoje excluídos do Tour de France por se terem envolvido em desacatos, com o júri de comissários da prova a multá-los também em 910 euros.

Castigado também com uma multa de valor igual foi o francês Julian Alaphilippe (Deceuninck-Quick Step), camisola amarela da Volta a França em bicicleta, por ter faltado a uma conferência de imprensa.

O alemão Martin e o britânico Rowe envolveram-se hoje no sopé de La Sentinelle, com Martin a dar uma guinada de volante em direção ao rival, que saiu mesmo da estrada, e Rowe a ripostar com um soco dirigido à cara do ciclista da Jumbo.

Tudo foi filmado e há mesmo mais imagens do que as que passaram na televisão.

Ambos são excluídos, multados e perdem 50 pontos na classificação UCI.

Quanto a Alaphilippe, é castigado por se ter esquivado à conferência de imprensa de terça-feira, não tendo sequer passado pela zona mista.

Além da multa, perde os prémios da etapa, no total de 800 euros, e vê serem retirados 25 pontos UCI.

Hoje, Alaphilippe já foi à conferência de imprensa e explicou a atitude da véspera como uma medida para não gastar ‘energia’.

DEIXE UMA RESPOSTA

Escreva o seu comentário
Escreva o seu nome