Tiago Ferreira vence a edição de 2018 da Volcat

294
© Francesc Lladó

A 13ª edição do VolCAT já é história. Foi uma corrida que teve tudo. Começando com a sua longa história, através de seus trilhos melhorados ano após ano, sem esquecer o nível desportivo excepcional, com os mais de 1.000 riders que optaram por passar uma Páscoa única. Como se isso não bastasse, esta edição serviu para consolidar a natureza internacional do evento, com mais de 20 nacionalidades representadas entre os participantes. No top-10 absoluto existem atletas de 7 países diferentes.

Após os dois dias exigentes já superados, especialmente ontem endurecidos por um vento enfurecido que atingiu todos os atletas, a última etapa foi a mais explosiva de todos.

© Anna Olea

As duas primeiras etapas foram disputadas sem nenhum tipo de especulação entre os corredores mais fortes, sempre no ritmo máximo possível. Com Tiago Ferreira na liderança com uma margem confortável, com menos de 40 km, a tática da maioria foi baseada em não perder o que foi conquistado nos dias anteriores. Um fast track também dificultou a abertura de diferenças.

© Francesc Lladó

Hans Becking (DMT Racing) soube aproveitar a situação da corrida e escapou com Ilias Periklis (Giant Polimedical), destacando-se numa seção técnica, enquanto Tiago Ferreira controlava os seus principais perseguidores na geral, não podiam abandoná-lo.

© Anna Olea

Becking beneficiou do status de líder de Tiago Ferreira, e guardou forças para vencer no sprint final e ter uma meritória vitória na Etapa. 1:35:19 para completar os 39 km. O sub-23 Vlad Dascalu (Brujula Bike Racing Team) atacou na parte final o numeroso grupo do líder para conquistar o 3º lugar do pódio neste último dia de competição.

Com isto, Tiago Ferreira repetiu a vitória que já conquistou no ano passado e confirma que a VolCAT é uma corrida perfeita para o atual campeão Europeu de Maratona.

Vídeo da etapa:

A categoria feminina estava práticamente decidida com as duas vitórias consecutivas da lituana, Katazina Sosna (Equipe Torpado Sudtirol) voltou a prevalecer conseguindo os triunfos completos nesta VolCAT 2018. Claudia Galicia (Megamo Factory Racing) e Naima Madlen ( DMT Racing) foram 2ª e 3ª.

© Francesc Lladó

Na geral Sosna, Madlen e Galicia ocuparam as posições de honra nesta ordem.

DEIXE UMA RESPOSTA

Escreva o seu comentário
Escreva o seu nome