O britânico Tao Geoghegan Hart (Sky) venceu hoje a etapa inaugural da 43.ª edição da Volta aos Alpes em bicicleta, impondo-se ao ‘sprint’ em Kufstein, na Áustria, e assumindo a liderança da classificação geral individual.

Hart, de 24 anos, cumpriu os 144 quilómetros na cidade austríaca em 3:30.48 horas, batendo o espanhol Alex Aranburu (Caja Rural-Seguros RGA), segundo, e o suíço Roland Thalmann (Voralberg Santic), terceiro, à frente de um grupo reduzido que chegou com o mesmo tempo.

Considerado uma das promessas do ciclismo mundial, o britânico conseguiu hoje a primeira vitória como profissional, depois de um ano de afirmação em 2018, na quarta corrida do ano, que começou com um 25.º posto final na Volta ao Algarve.

Em sexto lugar terminou o britânico Chris Froome (Sky), de regresso à competição depois de uma ausência de cerca de um mês, desde o fim da Volta à Catalunha, com o espanhol Pello Bilbao (Astana) em quarto e o polaco Rafal Majka (BORA-hansgrohe) em oitavo.

Na terça-feira, a segunda etapa liga Reith im Alpbachtal a Schenna, ao longo de 178,7 quilómetros, marcada pela subida ao Passo Monte Giovo, de primeira categoria, a 45 quilómetros da meta.

Deixar uma resposta