O ciclista irlandês Sam Bennett (Bora-hansgrohe) venceu hoje ao ‘sprint’ a terceira etapa do Paris-Nice, interrompendo o domínio do holandês Dylan Groenewegen (Jumbo-Visma), que mantém a liderança.

No final dos 200 quilómetros entre Cepoy e Yzeure, Bennett impôs-se em 5:16.25 horas, batendo o australiano Caleb Ewan (Lotto-Soudal) e o holandês Fabio Jakobsen (Deceuninck-QuickStep), segundo e terceiro, respetivamente.

Depois de ter entrado nos quilómetros finais mal colocado, Groenewegen, vencedor das duas primeiras etapas, ainda tentou lutar pelo ‘sprint’, mas não teve forças e acabou na nona posição, com o mesmo tempo de Bennett.

Na geral, o holandês manteve a liderança, com seis segundos de avanço sobre o polaco Michal Kwiatkowski (Sky) e 11 sobre o espanhol Luis León Sanchéz (Astana).

O português Amaro Antunes (CCC) voltou a ser afetado por uma queda, tal como na véspera, e terminou a etapa na 109.ª posição, a 1.33 minutos do vencedor, subindo ao 102.º lugar, com 11.20 de atraso para o líder.

Na quarta-feira, corre-se a quarta etapa, a mais longa da 77.ª edição do Paris-Nice, com 212 quilómetros a ligar Vichy a Pélussin, num percurso com seis contagens de montanha, uma das quais de primeira categoria, a 60 quilómetros da meta.

Deixar uma resposta