O ciclista português Rui Costa (UAE – Team Emirates) foi hoje terceiro classificado na quarta etapa da Volta a Burgos, ganha pelo ao sprint pelo espanhol Alex Aranburu (Caja Rural), enquanto o colombiano Ivan Sosa (INEOS) continua líder.

Com o grupo a chegar muito fragmentado, o sexteto da frente concluiu os 174 quilómetros entre Atapuerca e Ciudad Romana de Clunia em 4:07.55 horas, seis segundos antes de outro sexteto, no qual vinha César Fonte (W52-FC Porto), 10.º da tirada.

Sosa manteve o comando da geral com 17 e 24 segundos de vantagem para os espanhóis Óscar Rodriguez (Euskadi) e António Pedrero (Movistar), respetivamente, enquanto o equatoriano Óscar Carapaz (Movistar) subiu a quarto, a 28 segundos do primeiro, trocando com David de la Cruz (INEOS), que caiu para quinto, a 30.

Rui Vinhas (W52-FC Porto) é o melhor português da geral, baixando uma posição, para 10.º, a 1.12 minutos, e Rui Costa subiu quatro posições, para 13.º, a 1.57.

Na classificação por equipas, a W52-FC Porto manteve o sexto lugar, a 5.44 minutos da Euskadi.

No sábado, disputa-se a quinta e última etapa, com 146 quilómetros a ligarem Santo Domingo de Silos a Lagunas de Neila.

Deixar uma resposta