NGPS Rota do Fumeiro

112

A 2ª Etapa na Região Norte do Circuito NGPS será a primeira edição de uma etapa no concelho de Vinhais, NGPS Rota do Fumeiro no dia 7 de abril.

Os percursos estão inseridos no Parque Natural de Montesinho tendo, por  isso, paisagens fantásticas. Os participantes poderão apreciar a natureza no seu estado puro.

Para os que optarem pelo percurso maior passarão por várias aldeias, temos como referência, as aldeias de Santalha e Moimenta.

Os que optarem pelo percurso menor passarão, por exemplo, nas aldeias de Tuizelo e Travanca.

Vinhais é freguesia e sede de concelho, pertence ao distrito de Bragança, Região Norte e sub-região do Alto Trás-os-Montes.

O concelho é limitado a norte e oeste pela Espanha, a este pelo concelho de Bragança, a sul pelos concelhos de Macedo de Cavaleiros e Mirandela e a oeste pelos concelhos de Valpaços e Chaves.

CARACTERIZAÇÃO FÍSICA
Este território está integrado no Maciço Hespérico, formação antiga profundamente metamorfizada e entrosada por rochas plutónicas. Com relevo acentuado, percorrida pelas correntes do Tuela e do Rabaçal, que se precipitam no Tua e este no Douro.

As formações geológicas e a sua evolução condicionaram o perfil morfológico fortemente orientado pela fluência da rede hidrográfica, cujas linhas principais, subsidiárias do Douro, se apresentam genericamente orientadas de Norte a Sul.

A rede hidrográfica determina um perfil fisiográfico donde ressaltam as proeminências orográficas da serra da Coroa e distinguem-se as bacias constituídas pelos rios Tuela e Rabaçal, de vales profundos e escarpados.

O território situa-se praticamente entre os 400 e os 1000 metros. Abaixo dos 400 m de altitude encontram-se apenas os talvegues dos rios Rabaçal e Tuela, nos troços inferiores dos respectivos cursos e acima dos 1000 m, a Serra da Coroa.

Os rios são elementos estruturantes da paisagem, condicionam as actividades humanas, asseguram recursos, acrescentam diversidade e ritmo à rígida monotonia das formas esculpidas neste solo antigo.

É uma região marcada por prados permanentes (lameiros), grandes extensões de carvalho negral, soutos de castanheiros e searas de trigo e essencialmente centeio.

As condições peculiares do solo e do clima, associadas a uma sábia ocupação humana, conduziram a uma paisagem extremamente rica e diversificada.
No meio deste cenário o homem tem conseguido manter uma integração relativamente harmoniosa em relação ao meio ambiente que o rodeia, usando os recursos naturais, de uma forma sustentada.

Os principais grupos litológicos constituídos pelas rochas básicas (e ultrabásicas), xistos e granitos, são determinantes na configuração do território. O Xisto é a rocha dominante, razão pela qual é o principal material de construção.

Mais informações em ngpsvinhais.

DEIXE UMA RESPOSTA

Escreva o seu comentário
Escreva o seu nome