A SRAM está a unir-se ao esforço global de apoiar o Dia Internacional da Mulher, a 8 de março de 2020, sublinhando os seus compromissos de alcançar a igualdade de género no ciclismo.

A SRAM está a juntar a sua voz à conversação #EachForEqual, tentando levar mais mulheres a qualquer uma das linhas de partida análogas do ciclismo, incluindo passeios, corridas, advocacia e emprego.

A SRAM também está a apelar diretamente aos atletas, profissionais da industria e clientes, para ajudarem a fazer a diferença. Para 2020, a SRAM assumiu quatro compromissos para apoiar esses esforços.

Comunidade: um compromisso de longo prazo com o SRAM Women’s Program, já no seu quarto ano de existência. A missão do programa é atrair mais mulheres para as bicicletas por meio de apoio e desenvolvimento de embaixadores, programas de educação, clínicas de habilidades e abraçar comunidades periféricas de eventos.

A SRAM tem um membro da equipa a tempo inteiro dedicado a este programa, que se dedica desde a ciclistas iniciantes a avançadas, em disciplinas de estrada e/ou montanha.

O SRAM Women’s Program aumentou o seu alcance às participantes por meio de eventos em 45% a cada ano, e visa continuar essa trajetória de crescimento até 2020 e além.

Trabalho: desde 2015, a SRAM LLC capacita mulheres da empresa a desenvolver e liderar o SRAM Women’s Leadership Committee (SWLC). O grupo foi fundado para atrair, desenvolver e reter mais mulheres para trabalhar na SRAM.

O SWLC é responsável por criar oportunidades globais de orientação para todos os membros da equipe da SRAM, incluindo o desafio de criar uma força de trabalho mais inclusiva e diversificada. Hoje, a força de trabalho global da SRAM é 41% feminina.

A sua equipa nos EUA aumentou o número de mulheres em 11,5% nos últimos 3 anos.

Juventude: Aumento do apoio à National Interscholastic Cycling Association (NICA) até 2023. A NICA fornece pontos de entrada no ciclismo para jovens da América do Norte, para conhecerem os meandros do andar de bicicleta e apoiar o desenvolvimento de corridas para jovens.

A SRAM estará ativamente envolvida em ajudar a NICA a alcançar a sua meta de 33% de participação de ciclistas por meio de colaborações com o Girls Ride Together Program (também conhecido como GRiT).

Atletas: A SRAM continuar-se-á a esforçar para apoiar atletas e equipas do sexo feminino em pelo menos proporções iguais aos masculinos.

“A SRAM acredita que alcançar a igualdade de género no ciclismo é fundamental para o sucesso a longo prazo da indústria como um todo”, diz Sara Jarrell, Coordenadora de Marketing dos Women’s Programs da SRAM. “E nossos compromissos serão mantidos bem depois de 8 de março.”

DEIXE UMA RESPOSTA

Escreva o seu comentário
Escreva o seu nome