O dinamarquês Mads Pedersen sagrou-se hoje campeão do mundo de fundo de ciclismo de estrada, numa corrida disputada sob chuva na região do Yorkshire, em Inglaterra, em que o Rui Costa foi 10.º classificado, conseguindo atingir o objetivo traçado pelo selecionador nacional, José Poeira.

Picture by Alex Whitehead/SWpix.com

Aos 23 anos, Mads Pedersen tornou-se o primeiro dinamarquês a vestir a camisola ‘arco-íris’, depois de se impor na ponta final ao italiano Matteo Trentin e ao suíço Stefan Küng, segundo e terceiro, respetivamente.

Mads Pedersen, que sucede ao espanhol Alejandro Valverde como campeão mundial, gastou 6:27.28 horas para completar os 261,8 quilómetros de corrida, cujos 280 quilómetros inicialmente previstos foram encurtados devido às más condições climatéricas.

Picture by Allan McKenzie/SWpix.com – 29/09/2019

Os restantes portugueses em prova, Nelson Oliveira (oitavo em contrarrelógio), Rui Oliveira, José Gonçalves e Ruben Guerreiro, abandonaram a corrida, à semelhança da maioria dos quase 200 corredores que alinharam à partida – terminaram apenas 49.

Deixar uma resposta