Luís Mendonça chega à estrutura de Ovar, para uma nova época que se aguarda com expectativas.

O carismático corredor deixa assim a Rádio Popular-Boavista, onde esteve um ano, para abraçar este desafio, apresentando-se como uma mais-valia para a equipa ao poder estar na discussão de várias competições importantes ao longo da nova temporada.

Natural de Paredes, 33 anos, Luís Mendonça é considerado um corredor rápido, por ser “dono” de um excelente sprint, mas também completo. Isto porque não se limita a ser um sprinter. Este ciclista encaixa em todo o terreno, revelando, em simultâneo, uma tremenda capacidade para finalizar bem.

Recorde-se que do palmarés de Luís Mendonça consta a vitória da Volta ao Alentejo em 2018 – a maior conquista da sua carreira –, fazendo o 2.º lugar da Geral na “Alentejana” deste ano. Na época que agora terminou venceu também o Troféu O JOGO e a Taça de Portugal Jogos Santa Casa.

“Penso que atingi o patamar que sempre sonhei alcançar enquanto ciclista ao chegar à EFAPEL. Estou muito feliz e motivado e a sonhar com conquistas já para 2020. A EFAPEL é uma equipa sólida, com grande ambição a cada corrida que entra, não vira a cara à luta e não tem medo de assumir as suas responsabilidades. Agrada-me imenso a força agressiva como competem e enquadro-me nessa filosofia”, explicou Luís Mendonça. “Pessoalmente ofereceram-me condições de excelência e uma enorme estabilidade com os dois anos de contrato, algo a que o ciclismo está pouco habituado, mas que faz toda a diferença. Sinto que estou no local certo para mostrar todo o meu potencial no ciclismo”, rematou.

Deixar uma resposta