PUB

Luís Costa continua em grande na Taça do Mundo de Paraciclismo, no Quebec, Canadá. Depois da medalha de prata no contrarrelógio, o representante de Portugal subiu um patamar no pódio e venceu a prova de fundo de classe H5.

LUÍS COSTA VENCE CORRIDA DA TAÇA DO MUNDO DE PARACICLISMOA uma semana do Campeonato Mundial, que também vai realizar-se no Canadá, Luís Costa dá mostras de excelente forma. Nos 61,6 quilómetros provou estar num nível muito superior à concorrência.

PUB

Luís Costa começou por destacar-se na companhia do polaco Krzyzstof Plewa, mas também deixou para trás este rival para impor-se em solitário. O português chegou 28 segundos antes do polaco e 55 segundos à frente do italiano Diego Colombari, que ficaram com as restantes posições de pódio.

Flávio Pacheco estreou-se na etapa canadense da Taça do Mundo, depois de ter falhado, anteontem, a participação no contrarrelógio, porque, na altura, a sua “handbike” estava extraviada.

Ressentindo-se da paragem forçada, por falta de equipamento, Flávio Pacheco não conseguiu acompanhar os melhores nos 61,6 quilómetros da corrida deste sábado para a classe H4. O português foi o décimo classificado, a uma volta dos melhores.

A medalha de ouro viaja para a Áustria, na bagagem de Thomas Frühwirth. Quem lhe deu mais luta foi o francês Mathieu Bosredon, a 22 segundos. O terceiro classificado foi o polaco Rafal Wilk, a uns já distantes 3m10s.

A participação nesta ronda da Taça do Mundo termina no domingo. Bernardo Vieira, em C1, e Telmo Pinão, em C2, partem às 13h00 para as respetivas provas de fundo, que também terão 61,6 quilómetros.

PUB

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui