A Suíça conquistou as três medalhas na prova feminina de XCO dos Jogos Olímpicos Tóquio2020, com Jolanda Neff a vencer, 2ª Sina Frei e 3ª Linda Indergand.

Jolanda Neff Dominou O Xco Dos Jogos Olímpicos Tóquio2020
© Uci

A seleção helvética, que apenas tinha conseguido conquistar uma medalha nesta disciplina, a prata de Barbara Blatter em Sydney2000, dominou por completo a prova no percurso de Izu, com Jolanda Neff a triunfar, ao concluir em 1:15:46 horas os 20,55 quilómetros.

PUB

Na segunda posição chegou Sina Frei, a 1.11 minutos da compatriota, seguida de Linda Indergand, a 1.19, com a sueca Jenny Rissveds, campeã no Rio2016, a ser apenas 14.ª, a 5.42.

Jolanda Neff Dominou O Xco Dos Jogos Olímpicos Tóquio2020 | Jogos Olímpicos Jolanda Neff
© Rtp

Na estreia em Jogos Olímpicos,  Raquel Queiroz, de 21 anos, acabou a prova a 12.00 minutos da vencedora, que concluiu o exercício, em Izu, em 1:15.46 horas, no 27.º lugar.

Esta foi a primeira vez que a Suíça conseguiu os três lugares do pódio desde 1936, quando três ginastas suíços conquistaram os três primeiros lugares no exercício do solo.

Jolanda Neff Dominou O Xco Dos Jogos Olímpicos Tóquio2020 (3)
© Uci

Nunca nesta modalidade, que entrou para o programa olímpico em Atlanta1996, um país tinha conseguido colocar três atletas nos três lugares do pódio, quer no setor masculino, quer no feminino.

Tom Pidcock Vence Prova De Xco Dos Jogos Olímpicos Tóquio2020
© Bettiniphoto

Na segunda-feira, Tom Pidcock isolou-se nas três últimas voltas, para terminar os 28,25 quilómetros em 1:25.14 horas, com o suíço Mathias Flueckiger a ser segundo, a 20 segundos, e o espanhol David Valero  a ser terceiro classificado, a 34.

Deixar uma resposta