António Ferreira da Vito/Feirense/PNB venceu na Lagoa do Fogo e sentenciou triunfo no Grande Prémio Azores 2019 – Volta à Ilha de São Miguel, competição destinada ao pelotão Sub-23. Javier Jorda e Pedro Andrade fecharam o pódio.

António Ferreira foi um vencedor surpresa do Grande Prémio dos Azores – Volta à Ilha de São Miguel ao superiorizar-se aos demais rivais, na terceira e derradeira etapa da competição, uma seletiva ligação de 99 quilómetros, entre a Lagoa e a Lagoa do Fogo, num final coincidente com uma contagem de montanha de 1.ª categoria.

A decisão quanto ao vencedor da recém reformulada competição açoriana, dedicada em exclusivo ao pelotão sub-23, acabou por premiar um dos mais jovens corredores em prova – é sub-23 de primeiro ano – que, aos 19 anos, inscreveu o seu o nome no palmarés da competição.

Após  disputadas uma etapa de média montanha e uma outra com final conveniente a velocistas, as contas finais acertavam-se na escalada da Lagoa de Fogo, com cerca de 10 quilómetros de extensão.

Numa tirada para trepadores, que apresentava 2400 metros de acumulado de subida, repartidos em cinco contagens de montanha, a inclinação média da Lagoa do Fogo passou a fatura ao anterior líder, o polaco Pawel Szotska, apenas oitavo classificado do dia.

Ferreira, que já havia estado entre os primeiros nas contagens de montanha anteriores, assumiu desde a base a sua ofensiva impondo um ritmo em solitário que, no final, lhe rendeu 57 segundos de avanço sobre o segundo classificado, Gonçalo Leaça (LA Alumínios/LA Sport).

Ferreira, ciclista profissional de primeiro ano da Vito/Feirense/PNB, gastou 2h57m20s na etapa assinalada pela média registada – 33,4 km/h – por sua vez reveladora de uma jornada difícil em cima da bicicleta.

Na classificação geral individual, António Ferreira superiorizou em 49 segundos ao espanhol Javier Jorda (Ginestar). O terceiro lugar pertenceu ao colega de equipa do vencedor, Pedro Andrade, também a 49 segundos.

A Vito/Feirense/PNB conquistou ainda a classificação geral por equipas e a classificação geral da Juventude por intermédio de António Ferreira. A classificação da montanha ficou entregue a Javier Jorda, igualmente laureado da classificação por pontos.

Deixar uma resposta