Gonçalo Bandeira renova título ao conquistar Taça de Portugal de Downhill em Cadetes

76

Gonçalo Bandeira é o novo detentor da Taça de Portugal de Downhill (DHI) 2018 em Cadetes. O piloto da Miranda Factory Team conquistou o título ontem, dia 27 de maio, ao vencer a 5.ª e última etapa da Taça de Portugal de DHI, que teve lugar em Ribeira de Cima, Porto de Mós. Desta feita renova o título, que já lhe pertencia desde 2017, primeiro ano de competição do jovem piloto de 15 anos.

O atleta chegou à Pista do Figueiredo no topo da Geral e com larga vantagem sobre o segundo classificado (230 pontos de diferença). Foi o mais rápido na manga de qualificação no sábado, dia 26, melhorando essa marca no domingo, durante a final, que o fez alcançar a vitória da 5.ª prova pontuável da Taça de Portugal de DHI.

Ausentes da competição estiveram Tiago Ladeira, Campeão Europeu Júnior e o Elite Vasco Bica, o primeiro deles no primeiro lugar da Geral e Bica no segundo, a escassos três pontos de Emanuel Pombo, que se viria a sagrar vencedor da Taça em Elites este domingo. Embora ambos os pilotos da Miranda Factory Team fossem os grandes favoritos à vitória nas suas categorias, as lesões que contraíram impediram que disputassem a derradeira prova da Taça de Portugal de DHI, que concluíram com o segundo lugar, nos dois casos.

Em equipas, mesmo estando a Miranda Factory Team sempre na liderança do ranking nacional, desde o arranque da competição em fevereiro, a ausência dos dois pilotos lesionados fez com que ficasse no segundo lugar da Classificação Geral, por não terem sido contabilizados pontos na última prova, em Porto de Mós.

Para Gonçalo Bandeira, “está a ser um bom ano para mim, onde venci as cinco provas que tinha de ganhar e isso deu-me a vitória da Taça. Não podia estar mais feliz por cumprir mais um dos meus objetivos, junto de uma equipa fantástica, como é o caso da Miranda Factory Team”.

O piloto da Miranda Factory Team nasceu na Lousã, considerada a “Meca do DHI em Portugal”, no seio desta modalidade de Mountain Bike. A espera para poder competir terminou em 2017, quando fez 15 anos. Mas há todo um percurso para trás, com treinos que fazem do piloto um profissional em ascensão e que veio marcar grande parte do seu primeiro ano como Cadete.

Nascido numa família de pilotos de motocross, enduro e ciclistas de Mountain Bike, Gonçalo Bandeira cresceu a ver no pai, irmãs e amigos, alguns deles campeões, aquilo que mais gosta de fazer hoje: montar a sua bicicleta e correr. O ano de 2017 foi o fim de uma espera que parecia durar para sempre: chegava a altura de competir na categoria de Cadete. E com a chegada de 2019 o jovem piloto parte em busca dos triunfos mundiais. Antes de assinar pela Miranda Factory Team esteve no Montanha Clube/ LouzanPark, da Lousã.

Palmarés:
2017:
– 1.º | Campeonato Nacional de Downhill (Cadete)
– 1.º | Campeonato Nacional de Enduro (Cadete)
– Vencedor da Taça de Portugal de DHI em Cadetes
2018:
– Vencedor da Taça de Portugal de DHI em Cadetes

DEIXE UMA RESPOSTA

Escreva o seu comentário
Escreva o seu nome