Não é todos os dias que se pode estar na pele de um profissional como os ciclistas da Volta a Portugal Santander, mas esta segunda-feira foi possível.

Decorreu Hoje Na Guarda A 14ª Etapa Da Volta Brisa Rtp Como manda a tradição, o Dia de Descanso da prova significa uma oportunidade para os cicloturistas e simples amantes da bicicleta vivenciarem a experiência e usufruírem das estruturas da competição e meios da Volta a Portugal.

PUB

A realização da 14ª Etapa da Volta Brisa RTP com início e chegada à Guarda levou à cidade quase 750 participantes, que fizeram um percurso de 73 quilómetros com passagem pela Barragem do Caldeirão, tendo também a oportunidade de percorrer as margens do Rio Mondego com vista para as belas paisagens da Serra da Estrela.

Para uma maior sensação de competição, a parte final do trajeto foi cronometrada, com uma subida e chegada semelhante à da 4ª etapa da 82ª Volta a Portugal Santander, que aconteceu este domingo com o triunfo de Frederico Figueiredo (Efapel).

Na 14ª Etapa da Volta Brisa RTP, o vencedor foi Lucas Mendonça ao completar o troço cronometrado de 16 quilómetros em 33 minutos e 37 segundos.  Mendonça é um açoriano, natural da ilha Terceira, de 26 anos, que vive em Oeiras.

Foi a primeira vez que participou no evento, mas já está habituado a estas andanças do ciclismo e até é atleta federado. Ao cruzar a linha de meta não se apercebeu do bom registo que acabara de fazer. “Tive a sensação que estava a andar bem, mas não sabia se teria vencido ou não. Gostava de voltar a esta prova, é uma corrida curta, mas intensa”, disse Lucas, mostrando-se feliz com o resultado final.

14ª Etapa Da Volta Brisa RtpO BTT Lobo teve um representante, Luís Martins, 22º classificado com o tempo de 37:58, a cerca de 4 minutos de Lucas Mendonça.

Decorreu Hoje Na Guarda A 14ª Etapa Da Volta Brisa Rtp Do lado das mulheres a vencedora foi Mariana Brugger, de 36 anos, com o tempo de 41 minutos e 14 segundos. A viver em Portugal há quatro anos, a brasileira decidiu participar, pela primeira vez, na prova. “Gostei muito. Foi uma surpresa no final com a subida no empedrado, um percurso lindo e maravilhoso, a repetir”, contou com entusiasmo.  A engenheira eletricista vive em Cascais e gostou particularmente do formato competitivo da prova, mas quis, sobretudo, desfrutar da corrida e do convívio com os outros ciclistas.

Deixar uma resposta