PUB

O Campeonato do Minho de BTT XCM – Discover Melgaço arranca no próximo domingo (20 de fevereiro) com a realização da 1.ª Maratona BTT Vila de Darque / Intermarché Mazarefes.

1.ª MARATONA BTT VILA DE DARQUE / INTERMARCHÉ MAZAREFESA prova de Darque vai desenrolar-se por trilhos e caminhos rurais e promete “surpreender os amantes das Maratonas” pelo traçado e pelas paisagens.

PUB

A 1.ª Maratona BTT Vila de Darque / Intermarché Mazarefes é uma organização conjunta da ACR Bombos S. Sebastião, Junta de Freguesia de Darque e Associação de Ciclismo do Minho.

A iniciativa tem início marcado para as 9h30 e destina-se aos atletas de competição de Elites as Master 60 (masculino e feminino), bem como a Paraciclistas, CPT, E-MTB e Promoção (não federados).

Em Darque já tudo está preparado para receber os ciclistas naquela que é a primeira prova do Campeonato do Minho de BTT XCM – Discover Melgaço de 2022. “Temos tudo preparado, falta apenas ultimar os processos normais e fundamentais para que tudo corra pelo melhor”, garantiu Jorge Sousa, responsável da ACR Bombos S. Sebastião, que espera uma boa adesão dos ciclistas: “é uma prova nova, de início de época e não temos bem a noção da adesão dos atletas ao evento. Para já podemos dizer que as inscrições estão a correr em bom ritmo”.

“Será uma Maratona com dureza que chegue, de muita condução, em nada monótona, com um sector final ´rolante´ mas que pode ser enganador”, explicou Jorge Sousa adiantando que “quem não estiver bem preparado e quem não fizer reconhecimento irá ter algumas surpresas. Temos sectores de subida que impõem respeito”.

O dirigente da ACR Bombos S. Sebastião salienta que tem recebido “feedbacks muito positivos sobre o traçado”. “A chuva veio ajudar para tornar o terreno mais pesado, o que vai tornar a prova ainda mais difícil. Esperamos ter um dia primaveril no domingo”, disse Jorge Sousa explicando que a ACR Bombos S. Sebastião tem tido a adesão das forças vivas de Darque e de Viana do Castelo, num processo que “é novo para nós e, por isso, está a ser difícil de montar tudo, mas com muita interajuda das associações locais estamos com tudo pronto”.

Jorge Sousa assegura que a Maratona BTT Vila de Darque é um projeto “para continuar” destacando “a recetividade da Câmara Municipal, que tem um papel muito importante na realização do evento”. “Tudo depende do sucesso que conseguirmos com a realização da prova. Não queremos criar expectativas, vamos passo-a-passo, no final faremos o balanço e, juntamente com a autarquia, Junta de Freguesia, Associação de Ciclismo do Minho e as associações de Darque, veremos se o projeto tem condições para continuar.  Claro está que a opinião dos parceiros/patrocinadores é muito importante, pois sem o apoio deles nada era feito”.

PUB