CP e o transporte de bicicletas

24937

CP e o transporte de bicicletas (1)Uma boa notícia para a mobilidade e turismo em bicicleta: Comboios interregionais da Linha do Douro e Comboio Celta (Linha do Minho) já permitem bicicletas nas suas composições sem ter de as desmontar. Apenas ainda com a limitação em caso de grande afluência de passageiros.

Transporte de bicicletas na CP é ecológico, é saudável e não custa.

CP e o transporte de bicicletas (5)O transporte de bicicletas nos comboios da CP deve respeitar as seguintes condições:

  • cada Cliente pode transportar apenas uma bicicleta;
  • a CP não se responsabiliza pelos danos causados às bicicletas e/ou a terceiros durante o respetivo transporte;
  • o transporte das bicicletas, acomodação, entradas e saídas, são da responsabilidade do Cliente.
  • as bicicletas devem ser transportadas de forma a não obstruírem as portas, os lugares sentados e a não dificultarem a entrada e a saída dos Clientes;
  • os Clientes não podem circular de bicicleta nas estações, átrios e passagens desniveladas ou inferiores;
  • o transporte é autorizado exclusivamente nos serviços permitidos e nas carruagens identificadas para o efeito;
  • o Operador de Revisão e Venda pode pontualmente recusar o transporte sempre que, dada a lotação do comboio, possa potenciar o perigo de causar danos materiais e/ou pessoais ou possa perturbar o bom funcionamento do serviço;
  • são também permitidas bicicletas elétricas (com potência máxima contínua de 0,25 kW), desde que em dimensão/espaço ocupado (não considerando a bateria), se assemelhem a uma bicicleta tradicional;

CP e o transporte de bicicletas (10)Comboios urbanos de Lisboa / do Porto

O transporte de bicicletas é gratuito todos os dias e em todos os horários, nos comboios urbanos de Lisboa e Porto, em todas as linhas.  Pode, ainda, deixar a sua bicicleta num dos parques de estacionamento para bicicletas nas estações das Linhas de Sintra, Cascais, Azambuja, Sado, Aveiro, Braga, Guimarães e Caíde.

CP e o transporte de bicicletas (7)Alfa Pendular

As bicicletas podem ser transportadas desde que desmontadas e devidamente acondicionadas como bagagem que não exceda, nos porta volumes ou por baixo dos bancos, o espaço correspondente aos lugares a que tenham direito, num máximo de um volume por passageiro. Este transporte é gratuito.

CP e o transporte de bicicletas (2)Intercidades

Os suportes existentes nas carruagens não possuem cadeados.

CP e o transporte de bicicletas (9)Comboios Intercidades Lisboa – Porto / Braga / Guimarães

As carruagens de 2ª classe destes comboios Intercidades possuem suportes específicos para o transporte de bicicletas tradicionais, permitindo o transporte de 2 bicicletas por carruagem.

  • Apenas é permitido o transporte de uma bicicleta tradicional por passageiro;
  • O peso da bicicleta deve ser igual ou inferior a 15 kg;
  • O transporte de bicicletas está condicionado à disponibilidade dos lugares destinados a esse efeito – lugares 15 e 17 das carruagens de 2.ª classe. No caso destes lugares já não se encontrarem disponíveis, apenas é possível transportar bicicletas se as mesmas se encontrarem dobradas ou desmontadas e acondicionadas no espaço disponível para bagagem, não sendo admitida mais do que uma bicicleta por passageiro.
  • Em qualquer das situações, o transporte de bicicletas é gratuito.

CP e o transporte de bicicletas (2)Comboios Intercidades Beira Baixa (Lisboa – Castelo Branco – Covilhã) 

É permitido o transporte de uma bicicleta por passageiro e comboio, nos comboios Intercidades da Beira Baixa.

  • Apenas é permitido o transporte de uma bicicleta tradicional por passageiro e comboio;
  • O transporte de bicicletas está condicionado à disponibilidade do lugar destinado a esse efeito – lugar 3 da Carruagem 2. (A bicicleta é transportada na carruagem nº 1, no espaço destinado para o efeito). No caso deste lugar já não se encontrar disponível, apenas é possível transportar bicicletas se as mesmas se encontrarem dobradas ou desmontadas e acondicionadas no espaço disponível para bagagem, não sendo admitida mais do que uma bicicleta por passageiro.
  • Em qualquer das situações, o transporte de bicicletas é gratuito.

CP e o transporte de bicicletas (4)Comboios Intercidades das linhas da Beira Alta, Alentejo e Sul

As bicicletas podem ser transportadas desde que desmontadas e devidamente acondicionadas como bagagem que não exceda, nos porta volumes ou por baixo dos bancos, o espaço correspondente aos lugares a que tenham direito, num máximo de um volume por passageiro. Este transporte é gratuito.

CP e o transporte de bicicletas (8)Regional / InterRegional / Urbanos de Coimbra

Nos comboios Regionais, InterRegionais e urbanos de Coimbra, para poder transportar a sua bicicleta, na plataforma, antes de embarcar, deve dirigir-se ao Operador de Revisão e Venda, a quem competirá sempre emitir o seu título de transporte (do Cliente) e garantir, ou não, o transporte do respetivo velocípede, uma vez que o mesmo está sujeito a limitações do espaço disponível e da tipologia do material circulante que é utilizado.

Nos comboios Regionais e InterRegionais existem restrições temporárias ao transporte de bicicletas.

Nos comboios urbanos e Regionais, é aconselhado o transporte nas carruagens e locais identificados para o efeito.

CP e o transporte de bicicletas (6)Sud Expresso / Lusitânia Comboio Hotel

O transporte de bicicletas é gratuito, sendo apenas permitido em compartimentos-cama, com o máximo de duas por compartimento, na condição de que seja vendido em regime familiar e as bicicletas estejam devidamente embaladas e não ultrapassem as dimensões 1,20×0,90 m.

CP e o transporte de bicicletas (3)Celta

Admite-se o transporte de bicicletas, desde que desmontadas e embaladas, de modo a que possam ser transportadas como volume de mão, uma por passageiro e desde que não ultrapassem as dimensões 1,20x90x40 cm(largura+altura+comprimento).

É também permitido o transporte gratuito de bicicletas, sem serem desmontadas e embaladas, uma por passageiro e no máximo de três por comboio.

Já só ficam a faltar os IC’s da Linha do Sul, para Évora e Faro, para se poder ir até ao Alentejo e Algarve em bicicleta e regressar de comboio.

Mais informações em www.cp.pt

3 COMENTÁRIOS

  1. Gostava de saber se posso transportar no comboio a bicicleta de Porto Campanhã até à Régua. Obrigado.

  2. Obrigado.
    Bem que algumas centenas de cicloturistas participante no Douro granfondo 2017, gostariam de ver esta medida alargada e mais capacitada nesta altura (7 de Maio de 2017) entre a Estação de Campanhã, Porto e Peso da Régua, local da concentração do grande passeio e competição de cicloturismo pelas margens do Douro. Todos sairíamos todos a ganhar. Nesse dia exclusivamente a pensar no evento, que irá reunir mais de 4000 mil participantes, só do Porto, Gondomar, Maia, Gaia e Matosinhos, seriam algumas centenas a utilizar o comboio com as suas bicicletas com destino a Peso da Régua. Agradeço a atenção da Administração da Refer para o evento. Obrigado.

  3. É curioso nada ser referido em relação à linha do oeste, onde tive este ano uma cena triste ao tentar embarcar a bicicleta num comboio que seguia quase vazio, e inclusivamente dispõe de um gancho para transporte de bicicletas: o revisor simplesmente afirmou que era expressamente proibido, contrariando o que se pode encontrar no site da CP, que apenas o proíbe em alguns horários: não era o caso daquele comboio.

DEIXE UMA RESPOSTA

Escreva o seu comentário
Escreva o seu nome