Clássica da Arrábida – Serra, mar e troços de terra batida prometem espectáculo

96

A segunda edição da Clássica da Arrábida – Cyclin’Portugal, prova internacional de classe 1.2 que vai realizar-se no dia 11 de março, promete ser um espectáculo velocipédico inesquecível.

A corrida de 169,6 quilómetros, com partida em Sesimbra, chegada em Setúbal e passagem por Palmela – os três municípios parceiros da Federação Portuguesa de Ciclismo na organização -, vai beneficiar dos ingredientes que fazem da região da Arrábida um local privilegiado para a prática de ciclismo: orografia e percursos variados, sempre com uma paisagem de excelência como cenário.

A edição de 2018 da Clássica da Arrábida intensifica o ingrediente que lhe deu personalidade na estreia: os percursos de terra batida, conhecidos no meio como “sterrato”. Os 169,6 quilómetros começam em terreno relativamente plano, esperando-se que as hostilidades sejam abertas quando se aproximar o quilómetro cem.

Entre o quilómetro 95,4 e o quilómetro 117,1, os corredores vão encontrar quatro setores de terra. No total serão 6 quilómetros naquele piso. O troço mais marcante deverá ser o da Estrada da Cobra, que leva ao Castelo de Palmela e à primeira contagem de montanha da corrida.

Depois da subida de segunda categoria em Palmela, o pelotão, previsivelmente já muito seccionado, vai ainda enfrentar três escaladas de terceira categoria: Alto das Necessidades, Picheleiros e Arrábida, a última a 14,6 quilómetros da meta.

Adivinha-se uma corrida de grande intensidade, como é normal nas grandes clássicas internacionais. O vencedor terá de ser um corredor completo, capaz de ultrapassar percursos exigentes e técnicos e com boa ponta final para poder derrotar o pequeno grupo que poderá alcançar a meta mais adiantado.

A Clássica da Arrábida – Cyclin’Portugal será disputada por todas as equipas continentais portuguesas, às quais se juntam as equipas de clube e formações internacionais de referência. Estão, nesta altura, confirmadas a equipa continental profissional Hagens Berman Axeon, dos Estados Unidos da América, a equipa continental britânica Team Wiggins, e a formação de clube espanhola Caja Rural-Seguros RGA. A Seleção Nacional Portuguesa, com alguns dos grandes nomes lusos que representam equipas internacionais, irá também enriquecer o pelotão.

O dia 11 de março será uma jornada única de ciclismo na região da Arrábida. A Clássica começa às 11h40, na Avenida da Liberdade, Sesimbra, esperando-se que termine cerca das 16h00, na Avenida José Mourinho, Setúbal.

Além da prova de alta competição, realiza-se no dia 11 de março o Arrábida Granfondo, prova de participação de massas, na qual se espera a presença de largas centenas de praticantes amadores, que poderão desafiar as suas capacidades, aproveitando as riquezas naturais, paisagísticas e gastronómicas da região.

O Granfondo tem partida marcada para as 8h30, na Avenida José Mourinho, Setúbal, com chegada ao mesmo local. Os participantes podem optar entre o Granfondo, de 119 km, o Mediofondo, de 89 km, e o Minifondo, de 53 km.

“Esta iniciativa resulta de uma parceria com os municípios de Palmela, Sesimbra e Setúbal, visando promover a região como grande destino para a prática de ciclismo. Teremos uma corrida internacional com carisma e caráter, temos o granfondo, evento de participação popular, e estamos a criar um guia, homologado pela Federação, que carateriza e classifica os melhores percursos para a prática de lazer na região, de forma a que qualquer ciclista fique a conhecer os percursos possíveis adequados aos seus interesses particulares”, afirmou o presidente da Federação Portuguesa de Ciclismo, Delmino Pereira, na cerimónia de apresentação, na manhã de hoje, em Palmela.

Álvaro Amaro, presidente da Câmara Municipal de Palmela, foi o anfitrião da cerimónia, realizada na Casa Mãe da Rota dos Vinhos. “Queremos que este evento tenha um forte impacto no desporto mas também nas estratégia de marketing territorial da Arrábida. É uma ecoprojeto, porque está enraizado no envolvimento e projeção das populações”, salientou o edil palmelense.

Mais info em classicadaarrabida.com.

DEIXE UMA RESPOSTA

Escreva o seu comentário
Escreva o seu nome