Ciclismo sem limites, é o resumo perfeito de tudo o que representa o BH Core, trata-se de um sistema que pretende dar vida a uma nova geração de bicicletas elétricas para gravel e estrada.

O BH Core tem uma grande autonomia, oferecendo a mesma experiência de condução das bicicletas de gravel e de estrada convencionais, tudo isto incluindo uma estética limpa e minimalista e eliminando as diferenças visuais normalmente associadas aos modelos elétricos.

Foi necessário pensar em todo o sistema requerido para a criação de uma bicicleta elétrica com o objetivo de unir, sob os mesmos padrões, o design do quadro, o motor e a bateria, o resultado foi o nível máximo de integração entre esses elementos, uma harmonia tecnológica e visual entre os componentes habituais de uma bicicleta tradicional e de uma bicicleta elétrica.

Até 115 km de liberdade

Um dos pilares fundamentais da experiência de condução de uma bicicleta elétrica é a sua autonomia, as bicicletas elétricas Core alcançam uma autonomia de 115 km, graças à combinação de consumo reduzido do motor e de uma bateria de 540 Wh.

Totalmente oculta, a bateria dispõe de uma porta de carregamento na parte lateral do tubo diagonal. Além disso, em apenas uma hora e meia de carregamento é possível carregar até 80% da bateria, um carregamento rápido que possibilita ampliar a gama de utilização desta bicicleta.

Um motor único: silencioso, leve, compacto e potente

O motor é outra das peças-chave do sistema Core, a sua principal vantagem é o seu peso, de apenas 2,5 kg, bem como as suas dimensões reduzidas, que possibilitam a perfeita integração no quadro. A sua posição contribui para manter um centro de gravidade extremamente baixo, garantindo estabilidade e segurança durante a condução.

Este motor permite a utilização de grupos de transmissão convencionais de prato duplo o que, aliado ao facto de o motor não produzir qualquer tipo de fricção durante a condução sem assistência, faz com que conduzir neste modo não gere nenhuma perda de energia.

O motor dispõe de 250 W, um binário de 60 Nm e quatro modos de assistência configurados. Além disso, o seu funcionamento é extremamente silencioso.

Q-Factor reduzido, sensações de puro ciclismo

Graças ao seu tamanho, é possível obter um Q-Factor reduzido de apenas 163 mm, bem como um comprimento muito curto das escoras. Todas estas características fazem com que as bicicletas elétricas equipadas com um sistema Core possam oferecer reações e sensações de condução extremamente semelhantes às das bicicletas convencionais. Nunca antes o desempenho, a eficácia e a ergonomia de uma bicicleta elétrica se aproximaram tanto dos das suas “irmãs musculosas”.

Core Heart – simplicidade e controlo total

O visor do sistema Core Heart destaca-se pelo seu minimalismo, integrado na potência, dispõe de luzes LED de diferentes cores para identificar, de forma rápida e visual, o modo de assistência que está a ser utilizado.

Para alternar entre os diferentes modos basta premir o botão central. Tudo isto é ainda complementado pela Core App para iOS e Android, através da qual é possível personalizar as cores das luzes LED e os próprios modos de assistência.

Sem fios

A outra grande vantagem do sistema Core é o seu nível de integração, que permite obter uma estética muito semelhante à dos modelos de estrada convencionais. As diferenças visuais entre a BH G8 Disc e as novas bicicletas com sistema Core integrado são muito reduzidas.

As semelhanças estendem-se mesmo ao sistema de cablagem totalmente interno, que não deixa qualquer cabo à vista graças à direção ACR.

O sistema Core da BH Bikes abre um caminho a uma nova geração de bicicletas elétricas de estrada e de gravel, pretendendo igualar o desempenho e a experiência de condução dos modelos convencionais. Uma porta para um ciclismo sem limites.

Mais informações em www.bhbikes.com.

DEIXE UMA RESPOSTA

Escreva o seu comentário
Escreva o seu nome