A Subida à Glória Jogos Santa Casa trouxe a animação, as bicicletas e também o amor ao coração de Lisboa!

Dos muitos valentes que pedalaram os 265 metros da Calçada da Glória, o destaque vai para o jovem casal de namorados Miguel Salgueiro e Marta Branco, vencedores das finais masculina e feminina.

Marta Branco é uma repetente, venceu a edição de 2017, mas o triunfo deste ano surpreendeu-a. “Não estava em forma como no ano passado porque tenho muitas corridas acumuladas”, desabafou a Campeã Nacional de BTT, em Juniores, antes de justificar como conseguiu o feito: “Chegar lá acima não é fácil, parece que as forças acabam e não dá mais, mas depois o público anima-nos, são fantásticos. Foi espetacular, espetacular!”

Sempre sorridente e muito orgulhosa, a vimaranense de 19 anos, teve ao lado no pódio o namorado Miguel Salgueiro da equipa Sicasal/Constantinos que admitiu a dificuldade de conseguir uma vitória na Calçada da Glória. “Isto é uma subida duríssima, é arrancar à morte e dar tudo o que temos.

Sou bastante explosivo, mas também tenho muita resistência e acredito que por essa razão consegui fazer a subida toda sempre em altas.” Namorados há pouco mais de 2 anos, Marta e Miguel concordam que o público é um dos grandes responsáveis pelo sucesso na prova: “É um evento espetacular que eu adoro e a organização está de parabéns! As pessoas dão um apoio incrível ao longo destes 265 metros e estou mesmo muito contente por ter vencido aqui.”, rematou o jovem de 19 anos, natural de Odivelas.

Tiago Simões da equipa Fortunna/Maia conseguiu o melhor tempo da noite, fez a Subida à Glória em 36,77 segundos. Um tempo irreal muito perto do recorde de 35,59 segundos alcançado, em 2015, por Ricardo Marinheiro. Outro homem em destaque na festa da Glória foi Fernando Anjos que ao pedalar mascarado de havaiana com uma grande peruca vermelha e uns enormes óculos azuis venceu o Prémio da Originalidade.

Numa noite quente a rondar os 28ºC na capital, a festa das duas rodas contou com a participação entusiasta de centenas de ciclistas que trouxeram amigos e família para partilhar o amor pelas bicicletas. Uma das estreias mais esperadas da noite foram as bicicletas híbridas trazidas presentes na Subida à Glória.

As subidas em e-bikes não contaram para a classificação da prova, mas já deu para sentir o que é subir a Calçada da Glória com um pequeno empurrão. Os Jogos Santa Casa apoiaram pelo quarto ano consecutivo a Subida à Glória, numa iniciativa integrada na Semana Europeia do Desporto e que coincidiu com o final da Semana Europeia da Mobilidade.

Todas as informações da Subida à Glória Jogos Santa Casa em www.subidagloria.com.

Deixar uma resposta