A Taça do Mundo de XCO, está finalmente de volta, depois do início da Taça do Mundo de Downhill em Maribor, no mês passado, é agora altura dos melhores atletas mundiais de cross-country seguirem o caminho para Albstadt na Alemanha.

Será que Nino Schurter pode continuar com o seu domínio ou o pacote de perseguição extremamente forte fortaleceu-se durante os 7 meses de férias de inverno?

Kate Courtney pode aproveitar o seu desempenho sensacional nos UCI World Championships do ano passado em Lenzerheide e ganhar a sua primeira Taça do Mundo?

Será que a batalha entre Jolanda Neff e Annika Langvad pelo título na Geral da Taça do Mundo continua ou as restantes atletas podem afastar a dupla do topo?

A primeira ronda da Taça do Mundo de XCO UCI Mercedes-Benz, ao vivo de Albstadt, Alemanha, de sexta-feira, 17 de maio a domingo, 19 de maio, apenas na Red Bull TV.

Depois de dominar a temporada de 2017 com vitórias em todas as etapas da taça do Mundo e no Campeonato do Mundo a caminho de uma temporada histórica perfeita, a força suíça Nino Schurter, teve o seu domínio reduzido em 2018.

Logo na primeira etapa da Taça em Stellenbosch, Sam Gaze acabou com a série de vitórias do dominador suíço, relegando-o ao segundo lugar.

Schurter voltou a ganhar um total de quatro das sete etapas da Taça do Mundo, bem como o título na Geral em 2018 e encerrou a sua temporada com uma vitória em frente à sua claque no Campeonato do Mundo, mas a sua vantagem sobre os restantes atletas era muito menor do que os resultados apresentados.

Os atletas altamente talentosos e motivados, atrás de Schurter vão procurar diminuir ainda mais a diferença e terá apenas um objetivo – derrubar o piloto mais dominante dos últimos anos. Pode Schurter segurar os atletas por mais um ano ou o seu reinado chegará ao fim?

Os atletas que perseguem Schurter são liderados pelo fenómeno ciclista holandês multifacetado Mathieu van der Poel, que passou o inverno a dominar a Taça do Mundo de Cyclocross com uma temporada perfeita, coroado por vencer o Campeonato do Mundo Cyclocross e uma vitória sensacional na estrada na prestigiada corrida Amstel Gold.

Desde a sua primeira partida no Circuito Mundial de Cross-Country em 2017, parecia exercer muita pressão sobre Schurter, mas apesar de vários segundos lugares, nunca foi o suficiente para ameaçar Schurter no primeiro lugar.

O novo formato Cross-Country Short Track (XCC), introduzido em 2018, mostrou-se favorável às habilidades de sprint do holandês. As corridas do XCC realizadas dois dias antes das corridas do XCO, atuam como classificatórias para as duas primeiras largadas nos eventos do XCO, ao mesmo tempo em que premiam metade dos pontos da Taça do Mundo em relação ao ranking geral alcançável no XCO.

As três vitórias de Mathieu van der Poel e os dois segundos lugares nas cinco corridas do XCC em que ele participou, tiveram um papel fundamental no seu segundo lugar do ranking geral de 2018. Quem desafiará o domínio de van der Poel no XCC?

Mathieu van der Poel vai ganhar a sua primeira Taça do Mundo de XCO e ainda desafiar Schurter? Ou será que Gerhard Kerschbaumer, Mathias Flueckiger e Sam Gaze, que ganharam uma etapa da Taça do Mundo em 2018, retornarão ao primeiro lugar?

Pode o forte contingente francês em torno de Titouan Carod, Maxime Marrotte e Jordan Sarrou continuar a desafiar o pódio?

No lado feminino da corrida, a temporada de 2018 apresentou um duelo entre Annika Langvad e Jolanda Neff.

Langvad dominou absolutamente as corridas de XCC com vitórias em cinco das seis etapas e venceu o XCO em Stellenbosch e Nove Mesto. No entanto, Neff venceu a Taça do Mundo em Albstadt, Mont-Sainte-Anne e La Bresse, terminando em segundo lugar em Nove Mesto e Vallnord e consistentemente colocando-se no Top 5 em corridas XCC.

No final, a consistência de Neff foi recompensada e ela derrotou Langvad para vencer o título da Taça do Mundo. O duelo entre Langvad e Neff continuará em 2019?

A caminho da última corrida da temporada do Campeonato Mundial em Lenzerheide, parecia que o título seria decidido, mais uma vez, entre Neff e Langvad, mas uma fantástica apresentação da estreante na Elite, a atleta Kate Courtney (EUA) surpreendeu tudo e todos e levou para casa o ouro, com Langavd em segundo e Neff em quarto. Jovens pilotos como Kate Courtney e a ameaça de pódio de 2018, Emily Batty, podem-se juntar à luta pela vitória no ranking Geral?

Será que as restantes atletas femininas, extremamente fortes e imprevisíveis, lideradas por atletas como Maja Wloszczowska, Yana Belomoina , Pauline Ferrand-Prevot e Anne Tauber (NED) ameaçam o último degrau no pódio?

Assista à primeira etapa da Taça do Mundo de Cross-Country Mountain Bike UCI Mercedes-Benz gratuitamente, ao vivo na redbull.tv.

A transmissão ao vivo começa com a pista curta de cross-country (XCC) em 17 de maio às 17h20 (CEST), seguida pelas finais de cross-country olímpico (XCO) no domingo, 19 de maio, às 11h. Além da transmissão ao vivo das finais, a pré-apresentação da Taça do Mundo estará disponível no sábado, dia 18 de maio, às 16h.

Horário: Taça do Mundo de Cross-Country Mountain Bike UCI Mercedes-Benz Albstadt ao vivo na Red Bull TV: (todos os horários CEST, replay disponível imediatamente após as corridas).

Albstadt XCC Mulheres: sexta-feira, 17 de maio ao vivo na Red Bull TV 05:20 pm
Albstadt XCC Homens: sexta-feira, 17 de maio ao vivo na Red Bull TV logo após a corrida feminina
World Cup Chatter – Albstadt Pré-Apresentação: Sábado, 18 de maio ao vivo na Red Bull TV 16:00
Albstadt XCO Mulheres: domingo, 19 de maio ao vivo na Red Bull TV 11:00
Albstadt XCO Homens: domingo, 19 de maio ao vivo na Red Bull TV 02:15 pm

Deixar uma resposta