28.º GP Jornal de Notícias | Daniel Mestre ganha etapa e Joni Brandão veste amarela

49

Correu-se hoje a 6ª etapa do Grande Prémio Jornal de Noticias que ligou Ovar a Santo Tirso, num percurso acidentado de 144,9km.

© João Fonseca

Estamos já nas últimas etapas, para já, com domínio do Sporting-Tavira. No entanto, as diferenças de tempo ainda permitem aos adversários aspirar ao triunfo. Adivinham-se, portanto, duas tiradas muito mexidas, repletas de ataques.

Mais uma vez, inicio de prova muito movimentado com os diferentes grupos a tentarem fugas. Todas as fugas foram bem anuladas, no entanto, há dois corredores do W52-FC Porto que se destacam na frente na frente a 1m35ss do pelotão, são eles, João Rodrigues e Ricardo Mestre e são seguidos por onze perseguidores a 58s.

© João Fonseca

O grupo perseguidor era constituído pelos ciclistas:

César Fonte (W52-FC Porto), Rui Rodrigues e Luís Fernandes (Aviludo-Louletano-Uli), Marcos Jurado, Henrique Casimiro e Jesús del Pino (Efapel), Jacobo Ucha (Fortunna/Maia), José Gutiérrez (Massi-Kuwait Team), Hugo Nunes (Miranda-Mortágua), Daniel SIlva (Rádio Popular-Boavista) e Hugo Sancho (Vito-Feirense-BlackJack).

© João Fonseca

Ao quilómetro 74,3, na Meta Volante instalada na Póvoa de S. Miguel, a ordem de passagem foi a seguinte:

  1. João Rodrigues (W52-FC Porto)
  2. Ricardo Mestre (W52-FC Porto)
  3. Jesús del Pino (Efapel)

Ao quilómetro 75 o grupo perseguidor era absorvido pelo pelotão, e este rolava a 2m10s de João Rodrigues e Ricardo Mestre (W52-FC Porto), que permaneciam na cabeça da corrida eram neste momento os únicos fugitivos nesta fase da corrida.

Quilometro 86,5

© João Fonseca

Ordem de passagem na Meta Volante de Paredes

  1. João Rodrigues (W52-FC Porto)
  2. Ricardo Mestre (W52-FC Porto)
  3. Alejandro Marque (Sporting-Tavira)

O Sporting-Tavira tinha a corrida controlada, mantendo os dois fugitivos da W52-FC Porto debaixo de olho.

© João Fonseca

Ao quilómetro 102,5, novo Prémio de Montanha de 3.ª cat. na localidade de Lustosa, a classificação foi a seguinte:

  1. João Rodrigues (W52-FC Porto)
  2. Ricardo Mestre (W52-FC Porto)
  3. Guillaume Almeida (Fortunna/Maia)

O luso-francês Guillaume Almeida continuava a trabalhar para segurar a camisola de melhor trepador.

Na Meta Volante de Santo Tirso, ao quilómetro 122,4, novamente João Rodrigues (W52-FC Porto) na frente, seguido de Ricardo Mestre (W52-FC Porto). No pelotão Joni Brandão (Sporting-Tavira), adiantou-se passando no 3º lugar neste ponto.

© João Fonseca

Ricardo Mestre acabaria, no entanto, por ser alcançado pelo pelotão, seguindo João Rodrigues (W52-FC Porto), isolado na frente com 1m05 de vantagem sobre o pelotão. Estávamos nesta altura a cerca de 15 km para a chegada.

© João Fonseca

João Rodrigues acabou por resistir até à reta da meta onde foi alcançado pelo Daniel Mestre (EFAPEL).

Joni Brandão (Sporting-Tavira) foi segundo na etapa, é o novo camisola amarela.

© João Fonseca

CLASSIFICAÇÃO INDIVIDUAL NA ETAPA:

  1. Daniel Mestre (EFAPEL) – 3:24:24
  2. Joni Brandão (Sporting-Tavira) – mt
  3. Domingos Gonçalves (Radio Popular-Boavista) – mt
  4. António Carvalho (W52-FC Porto) – mt
  5. Gustavo Veloso (W52-FC Porto) – mt
  6. Edgar Pinto (Vito-Feirense) – mt
  7. Alejandro Marque (Sporting-Tavira) – mt
  8. João Rodrigues (W52-FC Porto) – 10s
  9. Sérgio Paulinho (EFAPEL) a 14s
  10. Cesar Fonte (W52-FC Porto) a 16s

A classificação geral individual ficaria então assim alinhada:

  1. Joni Brandão (Sporting-Tavira)
  2. Alejandro Marque (Sporting-Tavira) a 7s
  3. Daniel Meste (Efapel) a 12s
  4. António Carvalho (W52-FC Porto) a 20s
  5. Gustavo Veloso (W52-FC Porto) a 22s
  6. Domingos Gonçalves (Radio Popular-Boavista) a 30s
  7. Aleksandr Gregoriev (Sporting-Tavira) a 1m09s
  8. Edgar Pinto (Vito-Feirense) a 1m15s
  9. Sérgio Paulinho (EFAPEL) a 1m16s
  10. João Rodrigues (W52-FC Porto) mt

Amanhã ao final da manhã teremos o início da sétima e última etapa da competição, que vai ligar o Porto a Gaia, através de um percurso repleto de subidas, o que poderá ditar grandes mudanças classificativas.

DEIXE UMA RESPOSTA

Escreva o seu comentário
Escreva o seu nome